10 Filmes sobre mulheres fortes para assistir na Netflix

Saudações Leitores!
Estamos na Semana das Mulheres, hoje em especial é o Dia Internacional das Mulheres e selecionei uma lista com 10 filmes/documentários que mostram as várias facetas de mulheres e o principal sua luta, seus sonhos e medos... Todos os 10 fimes/documentários abaixo são uma excelente opção para se assistir e percebermos o quanto a mulher é maravilhosa, batalhadora e merece ser lembrada.
O melhor dessa lista é que todos estão disponíveis na Netflix, não deixem de assistir!





Frida (2002)
Frida Kahlo (Salma Hayek) foi um dos principais nomes da história artística do México. Conceituada e aclamada como pintora, ela teve também um casamento aberto com Diego Rivera (Alfred Molina), seu companheiro também nas artes, e ainda um controverso caso com o político Leon Trostky (Geoffrey Rush) e com várias outras mulheres.





Diana (2013)
Em Diana, a história é centrada em caso secreto da Princesa Diana com o cirurgião cardíaco Dr. Hasnat Kahn, descrito no livro "As Crônicas de Diana", de Tina Brown, como o grande amor da vida dela. Os dois tiveram uma relação de dois anos, o término ocorreu poucos meses antes do acidente que vitimou a princesa.





Selena (1997)
Selena Quintanilla (Jennifer Lopez) é uma jovem de origem hispânica que se tornou a mais popular cantora latina de todos os tempos, pouco após completar 20 anos. Ela consegue atingir o topo das paradas musicais americanas, ganhando dois discos de ouro e um de platina, mas tem sua carreira interrompida de forma trágica.





Amor e Inocência (2007)
Drama biográfico sobre a escritora Jane Austen, que antes de tornar-se famosa com livros como "Orgulho e Preconceito" ou "Razão e Sensibilidade", apaixona-se perdidamente por um jovem irlandês.






O Corajoso Coração de Irena Sendler (2009)
Baseado na verdadeira história de Irena Sendler, uma assistente social polaca que durante a Segunda Guerra Mundial ajudou a salvar cerca de 2500 crianças Judias, contrabandeando-as para fora do Gueto de Varsóvia. Depois ela acabou presa pelos Nazistas. 




Piaf: um hino de amor (2007)
A vida de Edith Piaf (Marion Cotillard) foi sempre uma batalha. Abandonada pela mãe, foi criada pela avó, dona de um bordel na Normandia. Dos 3 aos 7 anos de idade fica cega, recuperando-se milagrosamente. Mais tarde vive com o pai alcoólatra, a quem abandona aos 15 anos para cantar nas ruas de Paris. Em 1935 é descoberta por um dono de boate e neste mesmo ano grava seu primeiro disco. A vida sofrida é coroada com o sucesso internacional. Fama, dinheiro, amizades, mas também a constante vigilância da opinião pública.





Coco antes de Chanel (2009)
Filme-biografia que mostra a juventude da estilista Chanel e sua fase de aprendizado, além de sua infância no orfanato, o começo de sua vida como modista antes da glória e seus primeiros sucessos. Uma vida cheia de amores e desaforos, intuição e ousadia, muitas verdades ou apenas fantasias são promessas para o documentário.





Amy (2015)
Quatro anos após uma morte prematura, a cantora britânica Amy Winehouse ganha um documentário completo revisitando os momentos mais marcantes de sua carreira. 






Flores de Aço (2012)
Um remake contemporâneo do clássico do cinema. A história narra a extraordinária amizade de seis admiráveis mulheres do Sul dos Estados Unidos, que sempre estão lá para enfrentarem juntas os triunfos e tragédias da vida.




Histórias Cruzadas (2011)
A história de otimismo ambientada no Mississipi em 1962, durante a gestação do movimento dos direitos civis nos EUA, acompanha Eugenia Phelan, jovem que acabou de se graduar e quer virar escritora, mas encontra a resistência da mãe, que quer vê-la casada. Aconselhada a escrever sobre o que a incomoda, Skeeter encontra um tema em duas mulheres negras: Aibileen, empregada que ajudou a criar 17 crianças brancas mas chora a perda do próprio filho, e Minny, cozinheira de mão cheia que não arruma emprego porque não leva desaforo dos patrões para casa.



2 comentários:

  1. Obrigada pelas dicas! Com certeza irei assistir algum dos filmes citados. "Piaf" parece ser bem interessante.

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Larissa,

      vá fundo... estes filmes são ótimos!

      xoxo
      Mila F.

      Excluir

Muito obrigada pelo Comentário!!!!