Lançamento 504#: Assustadora Stella e a Escola Noturna... e outro

Saudações Leitores!
O Grupo Autêntica tem um selo Infanto Juvenil e venho mostrar dois dos lançamentos de Julho, espero que gostem, parecem ser tão legais e são capa dura.... meu coração já palpita.

Assustadora Stella e a escola noturna
Unni Lindell, Fredrik Skavlan (texto), Leonardo Pinto Silva (tradução)
Páginas: 160 • Formato: 14 x 21 cm • Acabamento: Capa Dura • Título original: Nifse Nella og Nattskolen • ISBN: 9788582178669 • Código: 11926 • Área temática: Infantojuvenil • Autêntica infantil e juvenil • Edição: 1 • Coleções: Série Assustadora Stella • Data de publicação: 30/06/2016

Stella vai a Paris, junto com seu amigo Pinneus Mysac, um menino humano, para encontrar a fantasminha Tânia Talento, costurada por acidente em uma bolsa. No Museu do Louvre, Stella encontra pela primeira vez os terríveis fantasmas da tapeçaria. om a ajuda dos fantasmas de Leonardo da Vinci e de Victor Hugo, um grande pintor e um célebre escritor, fantasmas de um grande pintor e de um célebre escritor, será que Stella vai conseguir escapar e descobrir a Primeira Verdade?

Assustadora Stella e a sétima estrela
Unni Lindell, Fredrik Skavlan (texto), Leonardo Pinto Silva (tradução)
Páginas: 208 • Formato: 14 x 21 cm • Acabamento: Capa Dura • Título original: Nifse Nella og Syvstjernen • ISBN: 9788582179826 • Código: 11927 • Área temática: Infantojuvenil • Autêntica infantil e juvenil • Edição: 1 • Coleções: Série Assustadora Stella • Data de publicação: 30/06/2016


Numa perigosa viagem pelo espaço, Stella vai até a Sétima Estrela em busca de informações sobre o paradeiro de sua melhor amiga, a fantasma Tília Coragem, que havia desaparecido. Na viagem, descobre que Tília está a caminho de Londres. Stella e Pinneus seguem para a terra da rainha e, mais uma vez, a fantasminha é atacada pelos fantasmas da tapeçaria. Com a ajuda dos fantasmas de Florence Nightingale e de William Shakespeare, uma famosa enfermeira e um grande escritor, será que Stella vai conseguir se salvar e aprender a Segunda Verdade?

Resenha 424#: "Extraordinário" de R.J. Palacio

Saudações Leitores!
Embora com medo de me decepcionar, resolvi encarar a leitura de Extraordinário e houve vários sentimentos, menos o da decepção. Não é um livro extremamente elaborado, mas é perfeito e cheio de momentos incríveis que levarei para a minha vida.


Extraordinário, R.J. Palacio, Rio de Janeiro: Intrínseca, 2013, 320 pág.
Traduzido por Rachel Agavino

Wonder (2012) foi escrito pela norte-americana R.J. Palacio (Raquel Jaramillo Palacio) e não se trata de um livro tão novo: foi lançado originalmente em 2012 lá fora e no Brasil em 2013 com o título Extraordinário. Tenho esse livro desde a época do lançamento (é por isso que a cada do meu livro é essa versão branca, atualmente tem uma versão capa azul), mas como tinha uma enorme comoção em relação a ele, resolvi adiar a leitura para que desse tempo para eu esquecer tudo o que li e limpar minha mente para não criar altas expectativas.


Posso afirmar que agora entendo porque Extraordinário conseguiu cativar os leitores e apesar de ser um livro destinado ao público infantojuvenil e de caráter instrutivo e com mensagem para a vida o livro caiu no gosto dos adultos também.
"Se eu encontrasse uma lâmpada mágica e pudesse fazer um desejo, pediria para ter um rosto comum, em que ninguém nunca prestasse atenção. Pediria para poder andar na rua sem que as pessoas me vissem e depois fingissem olhar para o outro lado. Sabe o que acho? A única razão de eu não ser comum é que ninguém além de mim me enxerga dessa forma.” (p.11)
O enredo de Extraordinário por mais que pareça simples aborda temas de uma grandiosidade enormes: preconceitos, bullying, amizade, família, dilemas infantis e juvenis, só que nem o fato de ter temas pesados torna o livro pesado, pois R.J. Palacio usou uma linguagem e elementos narrativos que tornaram esses temas em algo fácil de ser digeridas e incutidas mudanças pessoais no próprio leitor.


August Pullman, ou melhor: Auggie nasceu com uma deformidade genética que é bem peculiar e única e, ser diferente ainda é um grande desafio e muitas vezes quando não é digno de pena é atingido por preconceitos, piadas e maldades. A criança tem por volta de 10 anos e nunca foi a escola, no entanto, seus pais decidem que o filho precisa enfrentar o mundo, ainda sob a proteção dos pais.
"As coisas que fazemos sobrevivem a nós; São como os monumentos que as pessoas erguem em honra dos heróis depois que eles morrem. Como as pirâmides que os egípcios construíam para homenagear os faraós. Só que, em vez de pedras, são feitas das lembranças que as pessoas têm de você. Por isso nossos feitos são nossos monumentos. Construídos com memórias em vez de pedra." (p.72)
A escola é uma experiência aterrorizadora para August, pois mesmo acostumado com os olhares das outras pessoas ele terá que conviver diariamente com isso, com crianças que são, sim, maldosas, com um mundo que se torna um leque de oportunidades, sentimentos, ações, reações. Contudo por mais difícil que algumas situações sejam (e algumas bem dolorosas) August tenta ser engraçado e levar tudo de maneira leve, só que tem vez que ele não consegue (ele é só uma criança!).


Extraordinário é uma leitura bastante educativa e tem uma lição de vida, moral e ética durante a narrativa, além do mais, a forma como ele é narrado é bastante interativa e dá para passearmos pelos sentimentos de vários personagens que convivem com August e pelos do próprio August. Temos como narradores dessa aventura "extraordinária" em partes alternadas: August, Via, Summer, Jack, Justin e Miranda. Cada um deles contam suas experiências de vida com August e seus sentimentos em relação ao personagem.
"Se cada pessoa nesse auditório tomar por regra que, onde quer que esteja, sempre que puder, será um pouco mais gentil que o necessário, o mundo realmente será um lugar melhor. E, se fizerem isso, se forem apenas um pouco mais gentis que o necessário, alguém, em algum lugar, algum dia, poderá reconhecer em vocês, em cada um de vocês, a face de Deus." (p.303)
O fato é que achei interessante a abordagem multifacetada e poder acompanhar tanto os personagens principais como os secundários, fazendo com que todos tenham um papel fundamental e tenham, também, suas histórias separadas. 


Esse livro, Extraordinário, encantou-me profundamente e me envolveu de uma forma que derramei lágrimas e fiquei sensibilizada com a história de August, sabendo que existem milhares por aí que passam por uma situação tão triste como a que August passou, sobretudo nesse mundo em que vivemos onde a beleza e o status socioeconômico sobrepõem os valores das pessoas. Por mais amor e meus bullying é a principal mensagem de Extraordinário

Ah, uma parte que me fez chorar litros foi a morte da cachorrinha Daisy, pois me apeguei a ela e também pelo fato de, recentemente, ter perdido minha cachorrinha (Fadinha) e estar bem sensibilizada com o assunto, portanto, a cena me comoveu bastante... deixei as lágrimas caírem, elas precisavam dessa liberdade.

Lançamento 503#: Six of Crows... e outro

Saudações Leitores!
Alguém aqui gosta dos livros da Editora Gutenberg? õ/ õ/ O Mês de julho tá quase no finalzinho, mas eu preciso mostrar o que a editora lançou e fazer vocês suspirarem como eu... haja coração!!!

Six of crows
Sangue e mentiras
Leigh Bardugo (autoria), Eric Novello (tradução)
Páginas: 376 • Formato: 16 x 23 cm • Acabamento: Brochura • Título original: Six of crows • ISBN: 9788582353820 • Código: 11880 • Área temática: Ficção, Jovem Adulto • Editora Gutenberg • Edição: 1 • Data de publicação: 30/06/2016

Oste de Ravka, onde Grishas são escravizados e envolvidos em jogos de contrabandistas e mercadores fica Ketterdam, capital de Kerch, um lugar agitado onde tudo pode ser conseguido pelo preço certo. Nas ruas e nos becos que fervilham de traições, mercadorias ilegais e assuntos escusos entre gangues, ninguém é melhor negociador que Kaz Brekker, a trapaça em pessoa e o dono do Clube do Corvo.
Por isso, Kaz é contratado para liderar um assalto improvável e evitar que uma terrível droga caia em mãos erradas, o que poderia instaurar um caos devastador. Apenas dois desfechos são possíveis para esse roubo: uma morte dolorosa ou uma fortuna muito maior que todos os seus sonhos de riqueza.
Apostando a própria vida, o dono do Clube do Corvo monta a sua equipe de elite para a missão: a espiã conhecida como Espectro; um fugitivo perito em explosivos e com um misterioso passado de privilégios; um atirador viciado em jogos de azar; uma grisha sangradora que está muito longe de casa; e um prisioneiro que quer se vingar do amor de sua vida.
O destino do mundo está nas mãos de seis foras da lei – isso se eles sobreviverem uns aos outros.

A Redenção
Lisa Kleypas (autoria), A C Reis (tradução)
Páginas: 256 • Formato: 16 x 23 cm • Acabamento: Brochura • Título original: Blue-eyed Devil • ISBN: 9788582353882 • Código: 12434 • Área temática: Adulto, Ficção • Editora Gutenberg • Edição: 1 • Data de publicação: 30/06/2016

Quando os destinos de duas pessoas marcadas pela violência se cruzam, é preciso escolher um caminho a seguir: o amor ou a dor.
Herdeira caçula de um verdadeiro império, Haven é uma mulher obstinada que vive de acordo com os próprios princípios e não tem medo de bater de frente com o pai, Churchill Travis, um dos homens mais ricos e respeitados do Texas. Mas ao cortar relações com ele para se casar com um jovem que sua família desaprova, Haven vê sua vida se transformar num verdadeiro inferno… e não tem para quem pedir ajuda.
Dois anos depois, Haven volta para casa, com a alma abatida e o coração fechado, determinada a reconstruir sua vida sozinha. Mas Hardy Cates e seus irresistíveis olhos azuis cruzam seu caminho, e ele é a última pessoa que ela precisa encontrar.
Hardy é o mais novo magnata da indústria petroleira de Houston, um homem de sangue quente que aprendeu desde muito cedo a não confiar em ninguém e que nunca mediu esforços para chegar aonde quer: ao topo! Em sua jornada alimentada pela ambição desmedida, ele conquista poder e inimigos, incluindo os membros da poderosa família Travis. O que ele não esperava era sentir suas defesas serem abaladas pela herdeira da família…
Duas pessoas que aprenderam da pior maneira que o amor pode ser o inimigo mais cruel. Será que vão conseguir deixar todos os traumas para trás diante de uma nova chance?

“Quando se é sistematicamente agredida, sua capacidade crítica vai sendo solapada até o ponto em que é quase impossível tomar decisões.”

Lançamento 502#: Achados e Perdidos... e outros

Saudações Leitores!
Como ter vida social com esses lançamentos de Julho da Suma de Letras? Vocês precisam conferir e agirem como eu: Quero, quero, quero, quero também, esse também.... hahaha

SUMA DE LETRAS

Achados e perdidos (Trilogia Bill Hodges, vol. 2), de Stephen King
http://www.objetiva.com.br/livro_ficha.php?id=1656
Livro II da trilogia Bill Hodges. Uma história sobre o poder da literatura de mudar vidas — para o bem, para o mal, para sempre.
“— Acorda, gênio.” Assim King começa a história de Morris Bellamy.
O gênio é John Rothstein, um autor consagrado que há muito abandonou o mundo literário. Bellamy é seu maior fã — e seu maior crítico. Inconformado com o fim que o autor deu a seu personagem favorito, ele invade a casa de Rothstein e rouba os cadernos com produções inéditas do escritor, antes de matá-lo.
Morris esconde os cadernos pouco antes de ser preso por outro crime. Décadas depois, é Peter Saubers, um garoto de treze anos, quem encontra o tesouro enterrado.
Quando Morris é solto da prisão, depois de trinta e cinco anos, toda a família Saubers fica em perigo. Cabe ao ex-detetive Bill Hodges e a seus ajudantes, Holly e Jerome, protegê-los de um assassino agora ainda mais perigoso e vingativo.

Novamente você, de Juliana Parrini
http://www.objetiva.com.br/livro_ficha.php?id=1662
É possível se apaixonar duas vezes pela mesma pessoa?
Maria Rita foi embora para nunca mais voltar. Deixou para trás o marido, os pais, as irmãs e uma vida de pobreza em uma cidade pequena da qual sempre quis sair.
Doze anos depois, ela volta como partiu: sem maiores explicações. Mas agora Maria Rita é a sofisticada Miah, acostumada ao glamour e à vida superficial de Hollywood. Ao chegar, ela se dá conta de que não foi a única que mudou: seu ex-marido, Leonardo Júnior, agora é um homem bem-sucedido, diferente do caiçara com quem ela se casou ainda muito jovem.
Empresário de sucesso, Léo parece ter superado o trauma de ser abandonado pelo grande amor de sua vida, até que reencontra a mulher que pensou que nunca mais veria. Apesar da mágoa, ele não consegue deixar de ter vislumbres de sua Maria Rita sob a pele da arrogante Miah. E resistir à antiga paixão será o maior desafio que já enfrentou.

PC Siqueira está morto, de Alexandre Matias
http://www.objetiva.com.br/livro_ficha.php?id=1654
Uma viagem pela cabeça única do youtuber, escrita pelo jornalista Alexandre Matias
O paulistano Paulo Cezar Siqueira se tornou um dos primeiros youtubers do Brasil no começo dos anos 2000, uma época em que quase ninguém ligava uma câmera para dizer o que pensava e depois jogar o vídeo na internet. Hoje surgem novos influenciadores digitais (como eles são chamados) a cada dia, mas PC continua tendo lugar de destaque. Ele é a voz crítica dos seus pares, que conhece o poder e também a responsabilidade de ter milhões de seguidores.
Escrito pelo jornalista Alexandre Matias, PC Siqueira está morto é uma viagem pela cabeça única do youtuber e, como ele, está mais preocupado em provocar do que em apresentar respostas. Oscilando entre a ficção e o real, o livro reúne transcrições de arquivos digitais e analógicos que podem (ou não) ter pertencido ao ex-VJ da MTV. Nesses fragmentos, PC vive outras existências, revela episódios do seu passado, expõe seus medos e taras e brinca com os mitos que sempre cercaram sua personalidade polêmica.
Mais do que um retrato de um personagem fascinante, é um flagrante dos nossos tempos onde as fronteiras entre fama, realidade e internet se confundiram de vez. PC é ao mesmo tempo testemunha e protagonista dessa história.

Guia astrológico para corações partidos, de Silvia Zucca
http://www.objetiva.com.br/livro_ficha.php?id=1663
Alice tem certeza de que está vivendo um inferno astral. Será que as dicas de seu guia astrológico poderão ajudá-la?
Quando Alice recebe, na mesma semana, a notícia de que seu ex vai se casar e de que a empresa onde trabalha contratou um consultor chamado David Nardi para avaliar e demitir parte do pessoal, ela tem certeza de que está vivendo um inferno astral.
E tem razão.
Tito, seu melhor amigo e superentendido de astrologia, jura que é um péssimo momento para ser de Libra, mas que as estrelas também estão lá para nos dizer os dias mais auspiciosos para a esfera profissional ou para encontrarmos nossa alma gêmea.
Embora cética, Alice decide apostar nas dicas de seu guia astrológico, mas, estranhamente, a astrologia não a protege de encontros péssimos, decepções terríveis e algumas pequenas surpresas emocionantes. Por exemplo: por que David lhe parece cada vez mais interessante, se seus quadros astrológicos são a combinação para um desastre?

Livraria dos finais felizes, de Katarina Bivald
http://www.objetiva.com.br/livro_ficha.php?id=1661
Uma história emocionante sobre o poder transformador dos livros
Sara tem 28 anos e nunca saiu da Suécia — a não ser através dos (vários) livros que lê. Quando sua amiga Amy, uma senhora com quem troca livros pelo correio há anos, a convida para visitá-la na cidade de Broken Wheel, Iowa, Sara decide se aventurar. Mas ao chegar lá, descobre que Amy faleceu. Sara se vê desacompanhada na casa da amiga, em uma cidade muito pequena, e começa a pensar que talvez esse não seja o tipo de férias que havia planejado.
Com o tempo, Sara descobre que não está sozinha. Nessa cidade isolada e antiga, estão todas as pessoas que ela conheceu através das cartas da amiga: o pobre George, a destemida Grace, a certinha Caroline e Tom, o amado sobrinho de Amy.
Logo Sara percebe que Broken Wheel precisa desesperadamente de alguma aventura, um pouquinho de autoajuda e talvez uma pitada de romance. Resumindo: a cidade precisa de uma livraria.

O livro da escuridão (Os Livros do Princípio, vol. 3), de John Stephens
http://www.objetiva.com.br/livro_ficha.php?id=1664
O último livro da fantástica trilogia Os Livros do Princípio, que conquistou fãs por todo o mundo
As aventuras dos irmãos Kate, Michael e Emma tomam o rumo final quando eles começam a busca pelo último Livro do Princípio – o Livro da Morte. Quando os três livros forem reunidos, seus poderes combinados podem ser invencíveis. Por isso, as três crianças correm contra o tempo para deter Magnus Medonho em sua caçada.
É a vez de Emma embarcar em uma aventura entre dois mundos, enfrentando inimigos terríveis, monstros e fantasmas, e seus próprios medos mais profundos. Agora, ela deve aprender a dominar os poderes do livro mais perigoso de todos para que, com Kate e Michael, possa salvar o mundo do terrível confronto que Magnus Medonho está planejando; a batalha decisiva entre seres mágicos e pessoas comuns.
Este é o último livro da trilogia de sucesso Os Livros do Princípio, que começou com O Atlas Esmeralda. Considerada pelo New York Times “o novo Crônicas de Nárnia”, a série de John Stephens conquistou fãs por todo o mundo.
Volume 2 – A crônica do fogo:
http://www.objetiva.com.br/livro_ficha.php?id=1293

Filmes x Livros 37#: Stardust: O Mistério da estrela


Saudações Leitores!
No começo deste ano resenhei o livro Stardust e não entendo porque demorei tanto para assistir ao filme tendo em vista que ele está disponível na Netflix, enfim, assisti e quero falar um pouco dele para vocês.

Stardust: O Mistério da Estrela
Título Original: Stardust
Dirigido por: Matthew Vaughn
Duração: 127 minutos
Gênero: Aventura, Fantasia, Família, Romance

Sinopse: O jovem Tristan (Charlie Cox) tenta conquistar o amor da bela e fria Victoria (Sienna Miller) indo em busca de uma estrela cadente. A jornada o leva a uma terra esquecida e misteriosa, além dos muros da cidade. Porém Tristan não é o único atrás da estrela cadente. Os quatro filhos do rei de Stormhold (Peter O'Toole) e os espíritos de seus três filhos já falecidos também estão atrás dela, assim como a feiticeira Lamia (Michelle Pfeiffer), que deseja usá-la para recuperar a juventude. Para enfrentar todos estes concorrentes Tristan precisará ganhar o amor da estrela, que se transformou em uma garota chamada Yvaine (Claire Danes)

Minha Opinião:

Aqui no blog tem a resenha do livro Stardust: O Mistério da Estrela (AQUI) e agora vem meus comentários sobre o filme.

O filme é bem parecido com o livro, mas tem várias diferenças que - de verdade - me agradaram bastante e "soaram" até com mais coerência no ambiente fantástico criado por Neil Gaiman, claro que as mudanças favoreceram demais a adaptação cinematográfica.
O que mais gostei foi poder visualizar o universo atrás da Muralha e ver toda a fantasia envolvida, que considerei incrivelmente bem elaborado. Os efeitos especiais também me convenceram, não ficaram deslocados e nem exagerados.
Fabuloso ainda mais foram as escolhas dos atores, Charlie Cox que viveu o personagem Tristan soube - a meu ver - ser o Tristan perfeito, até mesmo noque refere a mudança que o personagem vai vivendo no decorrer do enredo.

Claire Danes que deu vida a estrela Yvaine foi de uma delicadeza enorme e foi de um jeito que não consigo ver nenhuma outra atriz vivendo tão bem a personagem. Aliás, Charlie e Claire tem bastante química e achei fofo, tal como deve ser o amor de uma estrela.
Outra atriz que agigantou o filme foi Michelle Pfeiffer que deu vida a terrível feiticeira. OMG, a atriz arrasou e foi bem assustadora. 

No geral fotografia, efeitos e atores deram um show ao filme... Aliás se fosse para dizer qual o melhor (entre filme e livro) diria que é o filme, porque as mudanças que tiveram foram tão mágicas que não consigo esquecer a emoção que senti ao assistir... mas talvez a emoção ficou maior porque tinha lido o livro e já estava cativada por esta história.