Resenha: “Mensagem” de Fernando Pessoa

Saudações Leitores!
Já faz alguns tempo que li este livro de Fernando Pessoa, mas só agora que fiz resenha, então, estou postando hoje para que vocês possam dar uma conferida, espero que gostem da resenha e já vou logo indicando esse livro que é muito bom. Deixem comentários, sugestões, opiniões, enfim.... Confiram:


Mensagem, Fernando Pessoa, São Paulo: Martin Claret, 2010, 176 pág. 


       “Mensagem”, publicado originalmente em 1934, foi o único livro de Fernando Pessoa editado em vida. Fernando António Nogueira Pessoa, conhecido como Fernando Pessoa, nasceu em Lisboa no ano de 1888 e faleceu, também em Lisboa, no ano de 1935. É considerado um dos maiores poetas da Língua Portuguesa e, por conseguinte, da literatura universal.
        Esta obra de Pessoa é composta por poesias de cunho nacionalista dividida em três partes, a primeira é denominada Brasão e é subdividida em: Os Campos, Os Castelos, As Quinas, A Coroa e O Timbre; a segunda parte é denominada Mar Português e a terceira parte em O Encoberto, também subdividida em: Os Símbolos, Os Avisos, Os Tempos.
       Em toda a extensão do poema nos deparamos com alusões a mitos (como o do Sebastianismo) e nomes de personalidades históricas de Portugal bem como suas proezas. Também é saliente na obra certo misticismo, elementos cabalísticos e a própria poesia está envolta de um teor épico.  Como é um poema em que se pode identificar um sentimento nacionalista é completamente banhado da história portuguesa e, portanto, compete que o leitor deste poema tenha certo conhecimento da história de Portugal para que assim possa compreender a obra.
       O poema “Mensagem” é relativamente curto, mas é de imensa grandeza histórica e literária. Ainda presente nesta edição da Martin Claret, a qual tive acesso, podemos encontrar uma Antologia composta de Poesias de Fernando Pessoa – Ele Mesmo; Poesias Inéditas; Poesias de Alberto Caeiro (incluindo O Guardador de Rebanhos); Odes de Ricardo Reis; Poesias de Álvaro de Campos.
       Em suma, apesar de apresentar uma linguagem culta e necessitar de um conhecimento prévio sobre a história de Portugal, Mensagem, trata-se de uma obra riquíssima, e devo admitir que quando mais leio Fernando Pessoa, percebo que cada vez mais há coisas para se descobrir dele, sua obra – vastíssima – é um espólio para toda a humanidade. Não poderia deixar de indicar esse clássico para todos os amantes de poesia, pois continuo fiel a minha postura de que os clássicos têm muito a nos ensinar e merecem ser lidos! 


Camila Márcia

4 comentários:

  1. Excelente resenha Mila e concordo com vc quando diz que os clássicos merecem ser lidos! Inclusive esse livro (Mensagem) é fabuloso!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. Parabéns pela excelente resenha!
      Concordo quando você diz que,os clássicos têm muito a nos ensinar

      Excluir
  3. Parabéns pela excelente resenha!
    Concordo plenamente quando você diz que,os clássicos têm muito a nos ensinar.

    ResponderExcluir

Muito obrigada pelo Comentário!!!!