Resenha: “Perdida” de Carina Rissi

Saudações Leitores!
Esta leitura caiu como uma luva: prazerosa, divertida, leve e rápida. Estou encantada com esse livro e adorei ler, gostaria que muita gente pudesse ler também. É muito agradável ler um nacional que impressiona a gente, dá um orgulho. Confiram a resenha e, se você já leu, compartilhe sua opinião de leitura comigo e, se não leu, eis uma boa dica de leitura!!!


Perdida, Carina Rissi, Campinas, SP: Verus, 2013, 364 pág.

Perdida, livro escrito pela brasileira Carina Rissi trata-se de um romance água-com-açúcar, ou melhor, um conto de fadas moderno e fantástico. Segundo o Grupo Editorial Record, da qual a Editora Verus faz parte e que publicou o livro, ele virará filme, o roteiro já está sendo desenvolvido.
Primeiramente somos apresentados a Sofia uma garota moderna e louca do século XXI e que faz uso das tecnologias possíveis no ano de 2010 e que, aparentemente, supõe que jamais será capaz de viver sem computador, celular e essas coisas todas que temos hoje e que eram praticamente impensáveis há anos atrás.
Nessa perspectiva, Sofia acaba saindo para comemorar com seu casal de amigos Nina e Rafa que iam morar juntos e acidentalmente ela acaba deixando seu celular cair no sanitário do banheiro imundo. Tchau celular!
No dia seguinte ao do acidente do banheiro, Sofia acorda e vai a uma loja de celular para comprar outro aparelho urgentemente, com ressaca e sem raciocinar direito acaba comprando o celular que uma vendedora esquisitona lhe oferece e ao tentar usar o celular, ‘pum’, é misteriosamente transportada para o século XIX no ano de 1830. De inicio ela se assusta e atordoada não sabe o que esta acontecendo até que é socorrida por Ian Clarke, um sedutor homem montado num cavalo e que ao vê-la seminua [percebam que ela estava vestida modernamente para a época de 2010, mas para 1830 ela estava praticamente despida, no maior estilo piriguete] a leva para sua casa.

"Ian sorriu. Além de lhe cair bem, o sorriso vinha fácil aos seus lábios. Gostei disso. Gostava de pessoas bem-humoradas que sorriam mais do que faziam caretas." (p.54)

Na casa de Ian, Sofia conhece Elisa, irmã de Ian, Teodora, amiga da família, os ‘criados’ e outros personagens. Sofia destoa de todos, pois seu vocabulário e seus modos são completamente diferentes dos modos e vocabulários do século XIX, essa diferença fica evidente durante toda a narrativa. Não obstante Sofia sofre ainda mais por se ver longe de todas as regalias e comodidades de ter um banheiro, telefone, carros, etc.
Não obstante, ela acaba por descobrir um novo modo de viver e conhecer as pessoas ao seu redor e pouco a pouco se apaixona perdidamente por Ian, que não perde nenhum pouco para os, já tão aclamados, príncipes encantados da nossa vasta literatura. Mas Sofia continua obstinada a voltar para casa e nessa ansiedade acaba descobrindo que deverá cumprir uma jornada antes de voltar. Desse modo, até ela descobrir o que tem que fazer, haverá muita aventura, risadas e situações hilárias.

"Ele tinha razão. Existia um nós - eu não sabia dizer desde quando, mas existia. E era forte!
Tão forte que, talvez, me quebraria em duas quando eu voltasse para casa. E eu sabia que voltaria, sentia que voltaria. E meu coração se despedaçaria." (p.159)

Perdida é um ótimo livro, uma leitura leve e apesar de clichê ela tem suas particularidades, em alguns momentos pode acontecer coisas que o leitor não previa e em outros pode se chatear pela insistência de Carina Rissi em fazer Sofia destoar do ambiente em que estava inserida através das demasiadas utilizações de gírias e sua falta de adequação ao ambiente, pois sabemos que todo ser humano, por mais imaturo e descoordenado que seja sempre tem a capacidade física e intelectual de se adequar ao ambiente em que vive, tirando esse lapso, a leitura é completamente saborosa e os personagens são fantásticos.
Definitivamente, ao virar a última página do livro é impossível não estar perdidamente apaixonada por Ian e, claro, terminada a leitura a vontade que temos é de voltar ao inicio e reler todas as páginas novamente. Mais que indicado!

Camila Márcia

23 comentários:

  1. nossa, que vergonha, não sabia que a autora era brasileira ;$ hahaha
    adooooro esses romances água com açúcar ;~~
    hahahaha ri demais com a vestimenta seminuas dela, mas pior que é verdade né... hoje em dia as roupas são quase isso mesmo :P
    parece ser fofo demaaaais ;~~

    ResponderExcluir
  2. Taaí, esse será meu próximo acessório de cabeceira#

    ResponderExcluir
  3. Olá, Camila!
    Estou loouca para ler esse livro. Ultimamente, tenho visto diversos comentários bem positivos a respeito e você pode imaginar a minha ansiedade agora sabendo que essa história irá para as telinhas, né?! rsrs
    É o tipo de leitura que estou precisando para este momento. Haha'
    Espero ter a oportunidade de lê-lo em breve.
    Parabéns pela resenha, flor!
    Beeijo*;

    ResponderExcluir
  4. Quero muito ler esse livro. Adorei saber um pouco mais da história que muito me encantou. Sempre estou procurando conhecer mais da história e da autora. Vou adorar ler e me deixar levar por essa maravilha. Amei.

    ResponderExcluir
  5. OMG!!! Tô sem ar! Amo esse tipo de livro "água-com-açúcar","conto de fadas moderno", e amo livros que são adaptados para o cinema. Quero muito ler esse livro, parece ser emocionante.
    Aah! eu preciso ter esse livro!!!
    Obrigada pela ótima dica!

    ResponderExcluir
  6. Gosto muito desses romances clichês, água-com-açúcar, e também quero me apaixonar pelo Ian *-*. A notícia de que irá virar um filme só atiçou mais a minha curiosidade sobre ele. Imagino a felicidade da autora brasileiríssima ao receber a notícia.
    Espero que seja uma leitura que eu queira fazer repetidas vezes =D

    ResponderExcluir
  7. Quero muito ler esse livro,
    nos ultimos tempos tenho me encantado com os escritores nacionais que tem me apresentado estórias incríveis, sei que esse livro trás uma estória clichê, mas não vejo a hora de ler as confusões que Sofia irá se meter.. Estou muito curiosa pela leitura, o livro possui uma premissa que atraiu bastante, gostei da sua resenha.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Gostei muito da apresentação do livro, pela resenha.
    Apesar de já termos visto filmes parecidos, nada como um bom livro para nos transportar para um outro século, visto pelos olhos de uma protagonista do nosso cotidiano.
    Gostaria muito de ler essa história.
    Muito interessante.

    ResponderExcluir
  9. Ains que tudo."

    Estava louca por esse livro, mais só por achar a capa muito linda, mais agora que li sua resenha quero muito, mais muito mesmo ele ... E queria ser a Sofia para encontrar um Ian pra mim kkkkk ... Fiquei super curiosa pra saber o final.! Minha cabeça está cheia de serás kkkkk.

    PS. Também não sabia que a autora era brasileira O.O
    soubibliofila.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. SEGUIDORA: ANDRESSA NUNES


    Resenha bem elaborada, abordando o conteúdo de forma inteligente, nos dando uma boa noção sobre a história, despertando o interesse dos leitores.

    ResponderExcluir
  11. Uau.......a história é envolvente, apaixonante.
    Imagina se tivéssemos esta oportunidade de viajar no tempo, só com o uso do celular?
    Melhor ainda, se pudéssemos viver como Sofia, uma garota moderna vivendo num século passado, tendo se adaptar aos costumes, suas roupas e, se apaixonar por um homem totalmente sedutor como Ian.
    Eu creio que, eu não voltaria para o meu tempo........talvez possa ser suspeita, porque o estilo do século passado me fascina.
    A Carina Rissi nos deixa voar na imaginação quando ela escreve esta história, nos envolvendo para não desprendermos por nenhum instante do desfecho final do livro. Isso aconteceu comigo ao ler "Procura-se um marido" onde a história de Lili e Max me fez prender por um dia inteiro em suas páginas.

    ResponderExcluir
  12. Ainda não li nada da Carina Rissi, mas Perdida é um livro que me chama muito a atenção. Apesar de ter seus clichês, como você disse, essa coisa da viagem no tempo me agrada bastante. Também não sabia que havia essa insistência quanto à não adaptação da personagem, mas espero que isso não tenha prejudicado muito o andamento da história.

    ResponderExcluir
  13. Já li várias resenhas deste livro, ele é um dos meus desejados. Voltar para 1.830 deve ser muito desconfortável, sem todas as facilidades que temos hoje. Tenho a impressão que vou dar muita risada com este livro.
    Nome de seguidora:Miriam Guiraldelli

    ResponderExcluir
  14. Nossa,já vi falar tanto desse livro e nunca tinha lido nada sobre ele!!
    Adorei a resenha,e agora sim fiquei com muita vontade de lê-lo..
    E ainda mais sendo de uma escritora brasileira,amei quero Perdida pra mim!!!
    Bjs'

    ResponderExcluir
  15. Amo esse livro, lógico que eu o li no formato pdf que rola na net e me envergonho muito disso, eu PRECISO dele em minhas mãos. O livro é maravilhoso e o Ian é perfeito, tipo Senhor Darcy sabe!? Enfim, coisas muitos marcantes nesse livro é que é de uma brasileira, a casinha e o alface, kkkkkkk. Ri demais lendo esse livro.
    Beijo

    ResponderExcluir
  16. Acho que este livro cairá como luvas para mim também. AMO livros água com açúcar!!

    ResponderExcluir
  17. Até agora só li resenhas positivas em relação a esse livro. Fiquei bem feliz quando soube que esse livro irá ser adaptado pro Cinema. Em relação a trama, apesar de clichê (como você disse), acho que deve ser bem divertida mesmo. Concordo com você quando fala a questão do ser humano se adequar a um ambiente, mas tem pessoas que preferem não fazê-lo, e pode ser que a Carina quis fazer isso com ua personagem.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  18. Adorei a resenha, super me interessei pelo livro.

    ResponderExcluir
  19. Li o procura-se um marido e estou louca pra ler esse! Amei sua resenha.

    ResponderExcluir
  20. Tenho ouvido muita coisa boa sobre a autora e suas obras. Infelizmente ainda não li nada mas tenho muita curiosidade. Eu adoro o gênero chick-lit e estou começando a conhecer melhor as autoras brasileiras. No momento estou lendo Pobre Não Tem Sorte e simplesmente adorando a história. Por isso, vendo pelo seus comentários, acho que também vou me divertir com esse livro =)

    Bjs
    @tibiux

    ResponderExcluir
  21. Fiquei interessadíssima na história, pq adoro viagens no tempo!
    Não pude deixar de lembrar do filme Kate e Leopold, com os maravilhosos Meg Ryan e Hugh Jackman. Ao contrário do livro, onde Sofia volta ao passado, o Leopold do filme viaja direto do século XIX para os tempos atuais e vive experiências engraçadas para se adaptar… e se apaixonar por Kate. Lindo!
    Q bom q o livro é divertido, melhor ainda saber q é nacional! Adoro as confusões de época, nem consigo imaginar a vida sem celular, sem as facilidades e a rapidez da vida moderna, rsrs… Mas pelo amor de nossa vida, vale o sacrifício?

    ResponderExcluir
  22. Muito legal essas histórias de fantasias, viagem no tempo misturado com romance água com açúcar. Faz bem pra alma. Espero que ela consiga levar ele junto quando voltar. Abraços \0/

    ResponderExcluir

Muito obrigada pelo Comentário!!!!