Resenha: “O Amor Mora ao Lado” de Debbie Macomber

Saudações Leitores!
Primeiramente quero agradecer a Novo Conceito pelo exemplar para resenha e já antecipo que apreciei muito a leitura. Tive uma surpresa incrível quando recebi o livro O Amor Mora ao Lado, da Debbie Macomber, pois eu o imaginei muito mais volumoso do que é, me enganei completamente já que o livro é bem fininho e para completar traz uma história tão leve e suave que em poucas horas dá para lê-lo completamente, confiram a minha resenha e comentem.


O Amor Mora ao Lado, Debbie Macomber, Ribeirão Preto, SP: Novo Conceito, 2013, 160 pág.
Traduzido por Paula Gentile Bitondi

O Amor Mora ao Lado, foi escrito por Debbie Macomber, autora best-seller que escreveu A Pousada Rose Harbor, mas este livro foi um de suas primeiras criações, então nada de tentar comparar com os mais recentes.
Na realidade esse livro é bem leve e traz uma leitura bem rápida, capaz de prender o leitor e fazer com que ele leia de um fôlego só. O Amor Mora ao Lado é uma narrativa curta e há poucas descrições, ou seja, a narrativa acontece mais através de diálogos e de forma bem fragmentada.
Tudo começa quando Cléo, a gata abissínia de Lancey fica no cio e num pequeno descuido Cão, o gato vira-lata do vizinho, Jack, entra no apartamento de Lancey e engravida Cléo. De inicio Lancey fica revoltada com o fato, pois não gostava de Jack e o achava um conquistador barato, opinião completamente aceitável devido ao histórico amoroso de Lancey. Ela acabou de sair de um casamento onde seu ex-marido a trocou por outra mulher o que a fez ficar com um ego super-reduzido. Então, aos poucos Jack, por culpa de Cléo e Cão, acaba se aproximando de Lancey e muda toda a vida dela.
O enredo é completa e totalmente clichê e os motivos de o casal ter se aproximado me lembrou de um livro do Nicholas Sparks: A Escolha, entretanto, não estou dizendo que o fato de ser clichê torne a narrativa desagradável ou cansativa, de maneira nenhuma, a narrativa é dinâmica e envolvente só que é bem previsível.
Outro  ponto legal é que no final do livro há algumas receitas, que pelo que já li por aí, parece ser a marca registrada de Macomber, sem dúvida, isso é bem divertido. É bom imprimir uma marca da gente em um livro e se esta for a de Debbie, não poderia ser mais deliciosa! Também necessito ressaltar o trabalho gráfico da Novo Conceito, O Amor Mora ao Lado, tem diagramação e vários detalhes muito fofos e encantadores, enche os olhos ter um livro tão lindo na estante.
Em suma, para não me estender muito na resenha, afinal se o fizer vou acabar contanto toda a trama, só tenho a dizer que O Amor Mora ao Lado é uma excelente pedida para quem curte romances clichês que mais parecem contos, para quem gosta de gatos e para quem quer passar o tempo em uma leitura rápida e leve, porque uma coisa posso afirmar se você tiver duas horas livre você será capaz de começar e terminar a leitura nesse tempo, como já ressaltei este livro, pelo menos para mim, trata-se de um conto e uma leitura bastante confortável.

Camila Márcia

Eu falei dos detalhes do livro na resenha, então, não poderia deixar de mostrar um pouco desses detalhes aqui:

16 comentários:

  1. Puxa, eu pensava que esse livro seria mais volumoso e tipo traria uma história de arrancar suspiros, mas pelo visto é daqueles livros que você pode pegar sem transtorno para ler durante uma viagem ou um FDS só para curtir mesmo.

    JU.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Wow Ju,
      espero não ter te desiludido a respeito desse livro, espero apenas ter alertado para que não crie muitas expectativas e possa ler e apreciar moderadamente a narrativa. Acho que iria gostar de ler.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  2. Bom dia Mila!
    Gostei da resenha e mesmo sendo uma história meio bobinha, pelo visto, me deixou curiosa, e como a Ju falou parece ser daqueles livros que pegamos num fim de tarde, numa viagem só para curtir e sem despretensiosamente. Eu topo a leitura.
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Emy, o bom é não criar muitas expectativas, afinal é um livre breve e em poucas horas dá para ler.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  3. Pode não ser um livro ruim, mas passo longe, não faz meu estilo de leitura.

    Abraços, gatinha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hummm, tenso. Realmente se não faz seu estilo Carlos, melhor não arriscar, Deus o livre de você perder a vontade de ler por causa que leu algo que não curtiu. O bom da leitura é encontrar seu estilo de livro e mergulhar dentro do livro, ser um personagem e vivenciar aquela leitura.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  4. Por mais que o livro seja curto e de leitura rápida, mas eu não perco meu tempo lendo se sei que a história é bobinha, prefiro pegar um livro de 500 páginas sabendo que vou gostar e demorar mais lendo porque aí sei que valerá a pena.
    Não estou sendo grosseira, Mila, mas só acho que, não é por ser da Debbie eu todos os livros que ela escrever serão bons, mas tem que ver se o assunto chama a atenção e no caso esse livro não me chamou para a leitura. Agora morro de vontade de ler A Pousada Rose Harbor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De maneira nenhuma você foi grosseira Adélia, você respeitou minha opinião e é claro que respeito a sua. Novamente ressalto que sempre devemos ler aquilo que nos chame atenção independente do volume de páginas ou da opinião dos outros. O mais importante é ler. O que desejo aqui no blog é incentivar a leitura, seja ela qual for: clássica, fantástica, best-seller, romance, drama, policial, auto-ajuda... o importante é ler!

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  5. Ai parece um livro fofo, do tipo para ser lido quando se está de ressaca literária e não temos paciência para ler nada muito volumoso e complexo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ser Bru, pode ser. Leituras leves são ótimas para não ficarmos parados enquanto estamos de ressaca literária.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  6. Eu li e gostei, =D

    Te espero lá no meu cantinho.

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gladys, tudo bem?

      Que bom que você gostou do livro e pelo que li na sua resenha, tenho quase certeza que gostou mais do que eu. Lógico que gostei, achei divertido e tal, mas achei que a história poderia ter se desenvolvido melhor e ter antagonistas, sabe? Enfim, achei um ótimo passa tempo.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  7. Mila, li tantos comentários positivos em relação a esse livro que acabei passando na frente de vários, até porque precisava de uma leitura rápida. Não foi tudo o que eu esperava, mas não dá pra negar que é uma leitura agradável, o que certamente faz a diferença.
    Uma coisa que eu não tinha percebido é a semelhança com A Escolha, apesar de lembrar já ter visto algo parecido. Esqueci completamente do livro do Sparks :x

    Beijos,
    Ricardo - www.overshockblog.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rick!

      Aposto que agora você viu a semelhança e sabe do que estou falando, hihihihi. Realmente é uma leitura para passar o tempo e relaxar porque ela é bem leve e bastante engraçadinha.
      Obrigada pela visita e comentário, querido.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  8. Nao estou muito afim de ler esse livro, pois li uma resenha que dizia que o livro nao era muito bom, e isso entrou de vez na minha cabeça. Mas que sabe futuramente eu nao o leia.



    xx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem, obrigada pelo comentário Jessica, o que posso lhe dizer é que esse não é um ótimo livro, mas ele não é realmente ruim... e se vc o ler sem expectativa é arriscado até se surpreender e se divertir bastante.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir

Muito obrigada pelo Comentário!!!!