Resenha: “Procurando Mônica” de José Trajano

Saudações Leitores!
Eu andava pela livraria Pensar (na cidade de Sobral) e me deparei com vários exemplares de Procurando Mônica*, amei a capa  e o título do livro (tenho uma amiga Mônica que é maravilhosa ) e assim que a oportunidade surgiu não pensei duas vezes em ler. Essa história me deixou com os olhos arregalados (๏̯͡๏)  confiram!
Procurando Mônica, José Trajano, São Paulo: Paralela, 2014, 112 pág.

Procurando Mônica, foi escrito pelo carioca José Trajano, mais conhecido por ser diretor e uma referência para o jornalismo brasileiro e, atualmente, se jogou a um novo desafio ao escrever. Seu primeiro livro tem aspectos biográficos que relatam a maior história de amor do Rio das Flores, sua história de amor e loucuras.
Com uma narrativa fluida e bem leve, Trajano conta como conheceu Mônica e como a paixão foi fulminante (uma espécie de amor a primeira vista - coisa rara, sabe? Mas possível), além de contar suas aventuras para tentar se declarar para Mônica, Trajano, ou melhor, Zezinho, como era chamado vai contando também fatos históricos do nosso país, em especial do Rio de Janeiro, falando de lugares e pessoas comuns e que atualmente são famosos.
Por Mônica, Zezinho passou por maus bocados e muitas desilusões, inclusive num cruzeiro para a Europa. Sim, Zezinho, arriscou-se num cruzeiro só por saber que ela iria e achou que lá, estando apenas os dois, eles poderiam engatar um namoro, contudo, Mônica se engraçou de outro rapaz e Trajano teve que seguir viagem sofrendo [dor de cotovelo] e fazendo amigos que o ajudavam a superar. Eram noites e dias de fanfarras, bebidas e... Cadeia.
José Trajano e Mônica perderam o contato por longos anos, parecia que o destino não os queria juntos e cada um seguiu sua vida, escreveu sua história. Trajano casou e descobriu que Mônica também. Trajano se destacou no jornalismo esportivo e um reconhecimento nacional.
Mas como surgiu o livro? Bem, uma história de encontros e desencontros amorosos não poderia deixar de ser relatada. Trajano escreveu o livro, comunicou-se e encontrou-se com Mônica num encontro que será o desfecho deste livro. É emocionante ler as palavras e expectativas de Trajano.
O autor foi breve e sucinto, relatou de forma magistral vários anos de sua vida e seus sentimentos que o levavam a fazer loucura, era um homem apaixonado e nunca escondeu seu amor de ninguém, mas Mônica parecia não se interessar e isso foi algo mudou toda a trajetória da vida dos dois.
Procurando Mônica é um livro encantador e biográfico, para quem gosta do estilo é uma ótima pedida, para quem gosta de um romance real também é uma ótima opção, excetuando o fato de que o romance não é correspondido. A fluidez e perspicácia da escrita de Trajano fazem de suas aventuras e desventuras amorosas uma boa e rápida leitura.


*Esse livro foi cortesia da Editora Paralela, para saber mais sobre ele clique AQUI.

2 comentários:

  1. A capa dele é mega fofa!
    Não conhecia o livro, mas super adoro livros de biografia, e essa parece ter uma leveza bacana, o que me agrada e muito, já que a grande maioria é quase sempre triste. Ou seja, a vida de todo mundo tem momentos que facilmente definiríamos como uma merda. Hehehe
    Valeu a indicação!!

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carol, tudo bem?
      Obrigada por seu comentário.
      Esse livro é realmente fofo e se você curte biografia então vai achar super divertido. Indico demais.
      Sobre a vida de todo mundo ter momentos merda, é exatamente isso.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir

Muito obrigada pelo Comentário!!!!