Resenha: “Eu Me Chamo Antônio” de Pedro Gabriel

Saudações Leitores!
Eu tentei resisti as tentações do consumismo, mas  chega um momento em que não dá e acabei comprando Eu Me Chamo Antônio, pois desde o lançamento estava desejando esse livro. E o que achei da leitura? Você pode descobrir abaixo:


Eu Me Chamo Antônio, Pedro Gabriel, Rio de Janeiro: Intrínseca, 2013, 192 pág. 
Ilustrado por Pedro Gabriel

Eu Me Chamo Antônio é um livro cuja origem tem uma história bem interessante. Pedro Antônio Gabriel Anhorn criou um blog chamado Eu Me Chamo Antônio e posteriormente criou uma página no Facebook para registrar suas composições artísticas – frases, poesias, pensamentos – que ele escrevia em guardanapos enquanto tomava umas cervejinhas no Bar Lamas, no Rio de Janeiro. Mais conhecido como Pedro Gabriel, o autor é natural da África (N’Djamena), mas tem pai suíço e mãe brasileira.
O livro é composto por várias fotografias dos guardanapos de Pedro, cada guardanapo traz uma história em pensamento, frase, através dessas composições muita coisa é dita, outras ficam subentendidas e muitas outras são camufladas com trocadilhos.
De fato, o resultado final de Eu Me Chamo Antônio é um livro com um visual e uma delicadeza incríveis: encantador, é a palavra que traduz o livro.
Em Eu Me Chamo Antônio há temas corriqueiros sobre a vida, o cotidiano, mas, sobretudo, sobre sentimentos e relações - sejam amorosas ou não. Fala sobre recomeços, esperanças e busca pela felicidade.
Desde o lançamento deste livro que eu me ‘enamorei’ dele, mas somente recentemente comprei meu exemplar e com absoluta certeza digo que amei a leitura: leve, delicada, sentimental. Fiquei encantada com a sensibilidade de Pedro Gabriel, já conhecia a página dele e fiquei completamente encantada em ter o exemplar desses guardanapos.
Sobre a fluidez da leitura: é rápida, breve e em pouquíssimo tempo dá para terminar, mas é um ótimo exercício ficar refletindo cada frase e se demorar algum tempo em cada guardanapo/página.
Em suma, é uma ótima dica de leitura e também de presente, caso você tenha um amigo/a que goste de frases e pensamentos, está uma opção maravilhosa de presente. Detalhe: o segundo livro está a caminho, nem preciso dizer que já me sinto ansiosa pelo próximo exemplar! \õ/


Na última folha do livro tem um "guardanapo" em branco para fazermos nosso pensamento, abaixo segue a minha frase: "Luto com todas as minhas forças para as mágoas não criarem raízes". Ameih.

4 comentários:

  1. Acompanho as ilustrações do Pedro Gabriel no instagram. Tenho muita curiosidade para comprar o livro :) Ele é muito talentoso.
    Beijos
    Iris Figueiredo
    literalmentefalando.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Iris,
      primeiramente obrigada pela visita e comentário. Eu, realmente, gostei bastante desse livro é um dos que estão no meu hall de livros para pegar qualquer dia abrir em uma página e ler o que está escrito.
      Então, acho que se vc já curte o trabalho do Pedro, você deveria, sim, ter este livro.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  2. Oi Mila,

    Sem dúvida é um livro muito bonito e eu o ganhei de presente e adorei, tem muito sentimento, mas não sei se eu o compraria para mim... Tipo o compraria para presentear alguém pela fofura e intensidade, mas comprá-lo para mim o tornaria mais frio e sem sentimento.... não sei se você me entende. Mas é bacana... ele tem um lugar especial na minha estante porque o ganhei de uma pessoa especial e pela fofura.

    Abraços.
    JU.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ju,

      Eu realmente acho que ganhar esse livro imprimiria nele um significado ainda mais especial, mas como não ganhei o jeito foi comprar, estava desejando há muito tempo - desde o lançamento - principalmente porque já acompanhava a FanPage do autor e isso me deixou ainda mais curiosa e desejosa de ter o livro, mas realmente, é um ótima opção de presente.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir

Muito obrigada pelo Comentário!!!!