Resenha: “Cidade da Meia-Noite: saga da terra conquistada – vol.1” de J. Barton Mitchell

Saudações Leitores!
Não sou muito de ficção científica, mas eu realmente gostei da premissa de Cidade da Meia-Noite* e estou super mal por ter deixado passar tanto tempo e não ter lido assim que foi lançado no Brasil, realmente gostei tanto do livro que não vejo a hora de ler a continuação.

Cidade da Meia-Noite: saga da terra conquistada – vol.1, J. Barton Mitchell, São Paulo: Jangada, 2014, 448 pág.
Traduzido por Flávia Côrtes

Midnight City (2012) no Brasil publicado como Cidade da Meia-Noite é o primeiro livro da Saga da Terra Conquistada, do escritor J. Barton Mitchell, este livro em questão é o primeiro romance do escritor, que também é roteirista norte americano. Após Cidade da Meia-Noite temos um conto cujo título é Baía Invernal além do mais, o segundo livro da saga já foi publicado no Brasil e chama-se A Torre Partida.
O enredo é extremamente instigante e a narrativa eletrizante, são dois fatores que fazem esse livro jamais cair na monotonia. Há 8 anos a terra foi invadida e conquistada por uma raça alienígena conhecida como Confederados. A população da terra com mais de vinte anos é sucumbida pela Estática exceto alguns humanos que são Imunes – este é o caso de um dos personagens principais, Holt Hawkins – que são humanos cuja Estática não tem poder.
Na verdade, os humanos que ainda não sucumbiram a Estática ou os que são Imunes, tem que se manterem vivos de alguma forma, portanto, uma nova sociedade é criada e eles têm que fazer tudo pela sobrevivência. Holt é um caçador de recompensa e é dessa forma que ele e seu cachorro Max, conhecem Mira Toombs. Há uma grande recompensa para quem conseguir capturar Mira. Holt consegue, mas algo sai errado e ele acaba por se tornar amigo de Mira.
Pode parecer clichê o romance que acaba se desenvolvendo, mas não é e, nem de longe, ele é o foco do livro, a história da invasão alienígena é que deu luz ao livro. Após Holt conhecer Mira e captura-la, as coisas parecem ir muito ruins, mas ficam ainda pior quando eles encontram Zoey, uma garota de 8 anos cheia de mistérios e com poderes especiais.
Após conhecerem Zoey vários exércitos de Confederados de várias facções – aparentemente – estão em busca e em luta por conta dessa garota. Então todos vão para a Cidade da Meia-Noite onde Mira tenta recuperar um artefato poderoso e Zoey alega ter que ir também para descobrir o que o destino lhe reserva. Holt vai com a duas.
Cidade da Meia-Noite é um livro que você fica completamente eletrizado porque é ação por cima de ação, perigo por cima de perigo, descoberta por cima de descoberta e o leitor não consegue parar de ler. J. Barton Mitchell foi extremamente fantástico na sua escrita, a tal ponto que você consegue visualizar cada cena, cada detalhe, cada emoção. Não é a toa que o autor é roteirista, seu próprio livro daria um fabuloso filme!
Definitivamente, este livro foi uma surpresa enorme para mim, eu fiquei bastante interessada nessa leitura porque eu não sou muito de ficção científica, mas essa me pareceu maravilhosa, então resolvi arriscar a leitura e ela superou minhas expectativas, não vejo a hora de poder ler o conto e o próximo volume.
Sem dúvida Cidade da Meia-Noite é uma leitura obrigatória para os amantes de livros de ficção científica. Creio, que até mesmo que não tem esse estilo como favorito, poderá gostar muito dele, pois tem uma narrativa, descrição e personagens extremamente impecáveis. Um livro já vale muito quando é bem escrito, este vale o dobro porque além de bem escrito, tem outros fatores que o tornaram viciante para mim.


*Esse livro foi cortesia da Editora Jangada, para saber mais sobre o mesmo, clique AQUI.

2 comentários:

  1. Parece um livro bastante interessante. Eu amo ficção científica... Se você que não é muito chegada ao gênero gostou, eu vou amar!
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paloma, minha querida,

      esse livro é realmente muito bom e se você gosta de Ficção Científica, então esse livro é mais que indicado.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir

Muito obrigada pelo Comentário!!!!