Resenha: "New Moon - The Graphic Novel, vol. 1" de Stephenie Meyer e Young Kim

New Moon - The Graphic Novel, vol. 1, Stephenie Meyer e Young Kim, 
Nova York: Yen Press, 2013, 176 pág.

Saudações Leitores!
New Moon é o segundo livro da série Crepúsculo escrita por Stephenie Meyer, mas aqui venho falar não do romance, mas da Graphic Novel ilustrada por Young Kim, esse segundo livro foi dividido em dois volumes, coisa que acho até desnecessário. Seria bom se a Yen Press fizesse uma edição colecionador com os dois volumes de New Moon juntos.
Como não fiz resenha da Saga Crepúsculo no blog, pois quando a li não tenha esse cantinho, pouca gente sabe que New Moon é meu livro preferido da Saga, pois mostra mais o Jacob com Bella, isto é, como a vida da personagem principal seria bem mais "normal" com o lobisomem do que com Edward, de como seria mais leve e engraçada também, pois os dois fazem parte da mesma linha temporal, ao contrário de Edward, que só existe porque é um vampiro imortal, já que ninguém poderia viver mais de 100 anos, como é o caso dele - tem mais de 100 anos de existência. É por assim dizer, uma anomalia. Por quem Bella caiu de amores e tem sofrido.
New Moon também é o livro que mostra que os sentimentos de Bella são reais, que ela jamais seria capaz de esquecer Edward, pois o que eles tinham era maior que qualquer explicação possível e o amor é exatamente isso: carece, não necessita muitas explicações.
Em New Moon as coisas são muito rápidas, é um conflito de sentimentos, os personagens também estão amadurecendo sob circunstancias difíceis e bastante rápido. Dos quatro livros da saga esse é o mais triste também. Como Bella pode seguir em frente se não é dona de seu coração e pensamentos? Como Jacob pode deixar de amar Bella se o destino deles - naturalmente - estaria escrito juntos? Como Edward pode deixar de ser egoísta se suas ações o tornam ainda mais egoísta? 
Pode não parecer que tudo isso que escrevi fique claro numa Graphic Novel, mas o fato é que a quadrinista Young Kim fez - novamente - um excelente trabalho e, mais do que a leitura com o auxílio ilustrativo, temos um GN que nos passa exatamente os sentimentos dos personagens.

Amei descontroladamente essa Saga e senti meu amor reanimado ao ler New Moon, acredito que o fato de ser meu livro preferido da Saga juntado com as ilustrações tão expressivas, tornou a leitura uma experiência singular, única; mesmo eu já conhecendo tão bem a estória.

0 comentários:

Deixe seu comentário

Muito obrigada pelo Comentário!!!!