Lançamento: 1932 São Paulo em chamas... e outros

Saudações Leitores!
Para quem gosta de livros questionadores, históricos, críticos e biográficos este post está recheado deles, venham conferir estes lançamentos da Editora Planeta:

1932: SÃO PAULO EM CHAMAS
LUIZ OCTAVIO DE LIMA
NÃO FICÇÃO
Editora Planeta
Palavras-chave: História do Brasil
ISBN 978-85-422-1126-9
Formato 16 x 23 cm
Brochura  |  Páginas 352
COMPRAR: Amazon
Uma guerra desconhecida1932. No coração da metrópole em acelerada expansão, explode a última e talvez maior guerra civil brasileira. O conflito é o ápice das hostilidades entre Getúlio Vargas e forças dissidentes de diversas partes do país, iniciadas com a Revolução de 1930. Em São Paulo, o estado com maior perda de autonomia para o regime e epicentro do levante, jornadas de protesto deixam mortos e levam estudantes a rumar para as trincheiras.
A Revolução de 1932 foi sobretudo a odisseia do cidadão anônimo elevado a protagonista, em nome do interesse coletivo ou por dever de ofício, contra ou a favor da revolta, nas trincheiras ou na retaguarda. Donas de casa se tornam enfermeiras.
Meninos atuam como mensageiros. Famílias doam joias e ouro. Um astro do futebol troca a bola pelo fuzil e leva para a frente de batalha um contingente de esportistas. Um futuro presidente comanda os ataques mais sangrentos e outro atua no socorro aos feridos. Bombardeios aéreos aterrorizam populações e agravam o estado depressivo do pai da aviação, Santos Dumont.
Um abrangente e emocionante relato, 1932: São Paulo em chamas permitirá ao leitor conhecer e analisar o episódio que sacudiu o Brasil, deixando um legado de valores e apaixonadas discussões.

LADRÕES DE LIVROS
ANDERS RYDELL
NÃO FICÇÃO
Editora Crítica
Palavras-chave: 2ª Guerra Mundial
ISBN 978-85-422-1122-1
Formato 16 x 23 cm
Capa dura  |  Páginas 416
COMPRAR: Amazon
“Milhões de livros esquecidos de milhões de vidas perdidas”Quando decidiu seguir o rastro dos saqueadores de livros do período nazista, o jornalista sueco Anders Rydell lançou-se numa jornada de milhares de quilômetros pela Europa. Seu intuito era compreender os fatos que levaram a essa ação tão cruel e descobrir o que ainda existe de tudo o que se perdeu durante a Segunda Guerra.
“Milhões de livros esquecidos de milhões de vidas perdidas”, foi o que constatou o autor após percorrer as mais remotas bibliotecas do continente. Mas o que de fato desejavam os soldados de Hitler com a pilhagem de livros pertencentes a judeus, comunistas, políticos liberais, maçons, católicos e tantos outros grupos de oposição? Como esse crime literário sem precedentes na história contribuiu para o aniquilamento cultural dos povos perseguidos pelo nazismo?
Ladrões de livros – A história real de como os nazistas roubaram milhões de livros durante a Segunda Guerra relata em detalhes os saques efetuados em bibliotecas, livrarias e acervos pessoais no período nazista e mostra, ainda, como um pequeno time de bibliotecários trabalha heroicamente para tentar devolver esses exemplares às vítimas do Holocausto e suas famílias. Uma narrativa emocionante que revela o que um único livro pode representar para quem perdeu tudo no conflito mais sangrento da história.

EM BUSCA DA MEMÓRIA
JOSEPH JEBELLI
NÃO FICÇÃO
Editora Crítica
Palavras-chave: Alzheimer; Doenças mentais
ISBN 978-85-422-0980-8
Formato 16 x 23 cm
Capa dura  |  Páginas 336
COMPRAR: Amazon
O que é, como tratar e como prevenirO que somos nós sem a memória? Nada. Afinal, é ela que define os parâmetros da nossa existência. Se não conseguimos nos lembrar das pessoas que amamos, das viagens que fizemos, dos nossos feitos e fracassos, nada somos. É assim que uma pessoa com Alzheimer se sente. Neste livro brilhante, o neurocientista Joseph Jebelli traça a história dessa doença, que está virando uma epidemia mundial desde 1906, quando foi originalmente identificada. Jebelli viu em casa, na figura de seu avô, como a demência afeta o cérebro e acaba com a vida de uma pessoa – não importa a idade. O autor mostra o que tem sido feito para diagnosticar e prevenir a doença, que estilo de vida contribui para o Alzheimer, a melhor forma de estimular a mente e até a dieta que ajuda a desacelerar os efeitos.

RENATO RUSSO
CARLOS MARCELO
BIOGRAFIA
Editora Planeta
Palavras-chave: Legião Urbana; Renato Russo
ISBN 978-85-422-1162-7
Formato 16 x 23 cm
Capa dura  |  Páginas 464
COMPRAR: Amazon
A mais completa biografia do vocalista da Legião Urbana ganha nova ediçãoA mais completa biografia do vocalista da Legião Urbana ganha edição revista, atualizada e ampliada pelo autor. Escrita a partir de mais de cem entrevistas e de pesquisas realizadas ao longo de nove anos, Renato Russo: o filho da revolução narra, de forma fluente e minuciosa, a transformação do adolescente Renato Manfredini Júnior no maior ídolo do rock brasileiro. A vivência intensa em Brasília sob a ditadura militar nos anos 1970 e 1980 é reconstituída em detalhes neste best-seller lançado em 2009, presença constante na lista dos mais vendidos de não ficção daquele ano. Manuscritos com os planos ambiciosos do iniciante Renato e os rascunhos de sucessos como Faroeste Caboclo, Tempo perdido e Eduardo & Mônica também são reproduzidos com exclusividade, bem como as letras vetadas pela Censura Federal.
Além dos depoimentos de integrantes da Legião Urbana, do Capital Inicial, da Plebe Rude, d’Os Paralamas do Sucesso, dos Titãs e de outras bandas da era de ouro do rock nacional, a nova edição inclui capítulo inédito elaborado a partir de entrevistas com amigos e colegas, como Marisa Monte e outros músicos que trabalharam e conviveram com Renato Russo no período final de sua vida, encerrada prematuramente aos 36 anos, em 11 de outubro de 1996. Lembranças e histórias de Renato Russo, o ídolo que, por meio de versos líricos e incisivos, fez sua música atravessar gerações para fascinar – e emocionar – os fãs de todas as idades.
COMPRAR

0 comentários:

Deixe seu comentário

Muito obrigada pelo Comentário!!!!