Lançamento: Casa das Estrelas... e outros

Saudações Leitores!
Trouxe mais alguns lançamentos da Editora Planeta e seus Selos, espero que gostem das novidades, ok?

CASA DAS ESTRELAS
O UNIVERSO PELO OLHAR DAS CRIANÇAS
JAVIER NARANJO
NÃO FICÇÃO
ISBN 978-85-422-1425-3
Formato 14 x 21 cm
Capa dura  |  Páginas 144
COMPRAR: Amazon
Um dos maiores sucessos da poesia das últimas décadas, agora de volta ao Brasil
Ao longo dos anos, Javier Naranjo, professor e poeta colombiano, coletou definições que seus alunos do curso primário davam a palavras, objetos, ideias, pessoas, lugares e sentimentos. Os pequenos verbetes, reunidos no grande sucesso Casa das estrelas, oscilam entre o poético, o lúdico, o melancólico e o revelador.
poesia > É como estar cantando.
amor > É quando batem em você e dói muito.
guerra > Gente que se mata por um pedaço de terra ou de paz.
adulto > Pessoa que, em toda coisa que fala, vem primeiro ela.
eternidade > É esperar uma pessoa.
tristeza >Tempo.
tempo > É um relógio que move e move uma mão até que se cansa.

OS FORNOS DE HITLER
A HISTÓRIA DE UMA SOBREVIVENTE DE AUSCHWITZ
OLGA LENGYEL
NÃO FICÇÃO
ISBN 978-85-422-1428-4
Formato 16 x 23 cm
Brochura  |  Páginas 240
COMPRAR: Amazon
Para não esquecer jamais
A história real de uma mulher sobrevivente de Auschwitz. Olga escreveu este livro com a leveza de um diário – apesar de nunca ter sido. Nele, ela conta em detalhes como era a vida no campo, mostrando com clareza e simplicidade o horror cometido pelos alemães.
Olga Lengyel conta, de forma sincera e aberta, uma das histórias mais horripilantes de todos os tempos. Este relato verdadeiro e documentado é o registro íntimo e diário de uma mulher que sobreviveu ao pesadelo de Auschwitz e Birkenau. Uma experiência relatada de maneira chocante.

ORFANDADES
O DESTINO DAS AUSÊNCIAS
PE. FÁBIO DE MELO
FICÇÃO
ISBN 978-85-422-1405-5
Formato 16 x 23 cm
Brochura  |  Páginas 160
COMPRAR: Amazon
Nova edição de um dos mais emocionantes livros do Pe. Fábio de Melo
“Era assim. Na escuridão da noite eu procurava o corpo paterno. Aconchegava-me ao seu lado e punha atenção no compasso de seu respiro de homem. A tudo eu contemplava. A voz grave, a postura de quem não conheceu as delicadezas do mundo, a exata medida das mãos que minhas mãos gostariam de ter, tudo observado em silenciosa contemplação. A barba cerrada, o olho capaz de enxergar-me no escuro, o alívio do medo, a devolução da vida. Meu pai e seu mundo profundo. Eu e meu mundo de rasuras. Ele na liberdade de estradas que não conheciam destino nem fi m. Eu, na solidão de paredes sensatas, prova de que os laços de sangue podem nos privar das alegrias, ocultando-nos em abrigos inóspitos onde prevalecem as pregas da cortina que nos protege da luz, sem piedade.”
As palavras geralmente são simples demais para representar tudo aquilo que carregam. Orfandades leva não só todos os sentimentos que estão neste livro, como as emoções contidas nas orfandades de cada indivíduo. É algo que muitas vezes só aperta o peito, bem forte, e mostra que ali há saudades, a ausência de alguém ou de algum sentimento que naquele momento seria tão importante. Com a sensibilidade de quem já ouviu tantas histórias, Pe. Fábio envolve o leitor fazendo-o chorar, refletir e até sorrir.

2 comentários:

  1. Fico louca com esses lançamentos rsrs

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Muito obrigada pelo Comentário!!!!