Filmes Assistidos em Março de 2019

Saudações Leitores!
Sigo cumprindo meu objetivo de assistir a pelo menos Um Filme por Semana e, tem semanas, que consigo assistir mais de um, que máximo, não é mesmo? Sendo assim, no post de hoje venho fazer um resuminho dos filmes que assisti durante o mês de Março e dizer se gostei ou não, e o que senti vendo, confiram abaixo:

Megarrromântico
Título Original: Isn't It Romantic
Duração: 88 min
Ano: 2019
País de Origem: Estados Unidos
Minha Avaliação: ⭐⭐⭐⭐
Sinopse: Natalie (Rebel Wilson) é uma jovem arquiteta que se empenha para ser reconhecida por seu trabalho. Ela que sempre foi uma cética quanto ao amor, tem um encontro conturbado que termina com ela sendo assaltada e deixada inconsciente. Quando acorda. a moça vê que misteriosamente foi parar em um filme de comédia romântica.
Minha Opinião: Esse filme foi tão gostosinho de assistir. É exatamente o tipo de comédia romântica que diverte, que traz reflexões e uma crítica social poderosíssima, além de ter partes bem divertidas e ser uma mistura de musical. Vale a pena assistir. Ps.: Eu amei todas as roupas usada pela Rebel Wilson, que looks espetaculares!

Sierra Burgess is a Loser
Título Original: Sierra Burgess Is a Loser
Duração: 105 min
Ano: 2018
País de Origem: Estados Unidos
Minha Avaliação: ⭐⭐⭐⭐
Sinopse: Sierra (Shannon Purser) é uma adolescente inteligente, mas que não se encaixa exatamente nos padrões de beleza impostos no ensino médio. Quando um incidente de confusão de identidade resulta em um romance inesperado em sua vida, ela se vê precisando se juntar a garota mais popular da escola para poder ficar com o menino que gosta.
Minha Opinião: Eu AMEI ESSE FILME! Embora tenha focado mais no romance, onde poderia ter mais focado numa crítica ao conceito e a crueldade de padrões de beleza, o filme é bem gostosinho de assistir. Puxa, folks! Ele se passe na escola, que é um dos "cenários" que mais amo em filmes. Já quero assistir zilhões de vezes mais! Ps.: Até porque temos o Noah Centíneo, apesar de que a sua participação foi quase que completamente apenas ilustrativa.

Mais ou Menos Grávida
Título Original: For Keeps?
Duração: 90 min
Ano: 1988
País de Origem: Estados Unidos
Minha Avaliação: ⭐⭐⭐
Sinopse: Eles formam um casal adorável. São bonitos, inteligentes e têm um futuro brilhante pela frente. Darcy (Molly Ringwald, de "A Garota de Rosa-Shocking") quer ser jornalista. Stan (Randall Batinkoff) está à espera de uma bolsa de estudos para se tornar um arquiteto. E pretendiam se casar só depois de formados. Mas uma inesperada gravidez os obriga a apressar o casamento e enfrentar a resistência da família, renunciar a alguns sonhos e driblar as dificuldades para conseguir criar sua filhinha e manter-se juntos, especialmente quando se é jovem demais.
Minha Opinião: Alguém gosta de filme mais antiguinho? Esse pode ser uma boa pedida, assisti com algumas amigas e alguns pedaços de pizza, então tenho bons sentimentos com relação a esse filme - rsrsrs. O filme é um verdadeiro clichê. É fofo. Adorável. Atemporal. Pra relaxa e ao mesmo tempo dar um contraste no quanto a sociedade mudou e também não mudou... 

A Fabulosa Gilly Hopkins
Título Original: The Great Gilly Hopkins
Duração: 99 min
Ano: 2015
País de Origem: Estados Unidos
Minha Avaliação: ⭐⭐⭐
Sinopse: Uma garota de 12 anos que passa por diversos lares adotivos durante sua vida ao ser enviada para a casa de Maime Trotter elabora um plano de fuga para se juntar à sua mãe biológica, mas descobre que as coisas não são tão simples quanto ela imaginava.
Minha Opinião: Esse filme é TOTALMENTE sessão da tarde, Juro! É um filme beeeeem família, cheio de lições e com um drama que faz a gente derramar algumas lágrimas se a pessoa for sensível demais (eu), ou ficar realmente emotivo. Gostei, embora tenha considerado as atuações medianas.

Girl
Título Original: Girl
Duração: 100 min
Ano: 2018
País de Origem: Bélgica
Minha Avaliação: ⭐⭐⭐⭐⭐
Sinopse: Aos 15 anos, a bailarina Lara enfrenta barreiras físicas e emocionais enquanto se prepara para uma cirurgia de readequação de gênero.
Minha Opinião: Eu fiquei sem palavras. Extremamente visceral. Desafiador. Mostra a luta de uma menina que nasceu num corpo de menino e está encarando um processo longo, árduo e cheio de conflitos para a transição de gênero, ao passo que tenta realizar seu sonho como dançarina de balé. Não é fácil. O filme em sim, repassa bem as dores, através da fotografia, da filmagem das faces da protagonista, do ritmo lento e constante de todo o filme. É lindo, é triste, é cheio de expectativas. É um filme necessário.

0 comentários:

Deixe seu comentário

Muito obrigada pelo Comentário!!!!