Resenha: “Escândalo” de Therese Fowler

Saudações Leitores!
Este livro, Esc@ndalo*, foi uma experiência um tanto desagradável para mim, não estou dizendo que o livro é de todo ruim, pois ele traz um tema bem contemporâneo, mas não achei interessante esse tema abordado em um livro com personagens, pois o enredo sempre foca mais no tema e acaba esquecendo de um desenvolvimento mais profundo dos personagens, isto é, a abordagem a forma que foi contada a história deixou muito a desejar e, o final do livro, para mim beirou ao clichê... saibam mais na resenha, pois ressalto pontos positivos e negativos do livro e isso pode motivá-lo a lê-lo, ou não...


Escândalo, Therese Fowler, Ribeirão Preto, SP: Novo Conceito, 2013, 384 pág.
Traduzido por Henrique Amat Rego Monteiro

O título original de Escândalo é Exposure, escrito por Therese Fowler e vem a tratar de um crime vinculado a internet e aparelhos em que haja a possibilidade de enviar fotos e vídeos, esse crime se chama Sexting.
Fazia algum tempo que não lia um livro tão ruim assim, tudo nesse livro me desagradou: a narrativa, o enredo, os personagens. Acho que fiquei frustrada porque esperava outro assunto e me deparei com Sexting e isso me impediu de gostar do livro completamente.
Escândalo nos apresenta um casal de namorados, Amelia e Anthony, que tiraram fotos nuas e enviaram um para o outro, daí o pai de Ameia abre o notebook dela e encontra as fotos. Amelia é de menor e para o pai é inocente e pura. Anthony é de maior idade e ama mais que tudo – até mais do que a si mesmo, acreditem – Amelia.
Então, já podem tirar conclusões precipitadas a partir do que escrevi: o pai de Amelia fica chocado e denuncia Anthony, tudo acaba tomando proporções gigantescas e mesmo Amelia afirmando que Anthony é seu namorado ninguém lhe dá ouvidos. Acaba que, como o pai de Amelia é rico e conhecido a notícia vai parar no jornal, Anthony é preso e tudo vira de ponta cabeça, até mesmo Amelia vai presa. Quando tudo está de mal a pior para o casal, eles – tan tan tan tan – decidem fugir, mas Amelia passa mal na fuga e aí vem a parte em que tudo fica muito, muito, muito ruim e depois tudo se resolve e o casal é feliz para sempre.
Quando peguei Escândalo para ler, claro que pensei que seria outro tipo de história, mas nunca pensei que a realidade seria do jeito que foi e de maneira tão ruim, não sei por que razão continuei lendo até o fim, pois, como já salientei, a narrativa é enfadonha e o enredo não convence. Sei que pulei partes e diálogos desnecessários.
Therese Fowler além de não ter escrito um bom livro se contradisse durante toda a narrativa, pois, no começo do livro, foi exaltado demasiadamente a questão da maturidade de Anthony e Amelia, mas no decorrer do livro percebemos que não há maturidade nenhuma no casal. Eles, diante do mundo caindo em cima deles, acabam se preocupando unicamente com o amor e sentimento ao invés de pensarem nas suas atitudes e tentarem esclarecer realmente o que aconteceu.  Como Therese pode dizer – com todas as letras – que Amelia era madura e determinada quando na verdade provou ser tão submissa e temente ao pai mesmo diante da injustiça que estavam cometendo com seu adorado Anthony? Sei que às vezes, as coisas tomam uma proporção gigantesca, mas mesmo assim.
Outro ponto que me fez detestar o livro foram os pais de Amelia que são terrivelmente insuportáveis e extremamente estúpidos, não dá pra acreditar que eles não escutam a filha e achem que ela é uma santa. Pel'AmorDeDeus em que século estão vivendo?!!! A atitude deles não condiz com a atualidade, ademais, querem controlar a filha, sufocam e não a respeitam. Uma garota que tem quase 18 anos tem que ter sua liberdade e voz. Convenhamos: tem adolescentes de 12 anos que sabem muito mais do que Amelia e isso torna Amelia inocente demais ara a idade que tem.
Para finalizar, só tenho a dizer que não gostei do livro e realmente não pretendo voltar a esta leitura, claro que tem umas partes bem bacanas que fazem alusão à Shakespeare além de ficarmos conhecendo sobre Sexting, mas para mim, por Therese ter passado pelo fato de seu filho ser preso por Sexting ela apenas fez de Escândalo um livro de desabafo, o que quero dizer, talvez tivesse sido mais interessante Therese ter escrito sobre Sexting e a triste experiência que teve com seu filho sem romancear e inventar um enredo e personagens que não convenceram.

Camila Márcia

*Este livro foi cortesia da Novo Conceito.

8 comentários:

  1. Sua resenha foi bem forte e bem crítica, mas imagino que realmente não seja muito bom. Inclusive, já li muitas críticas sobre ele.
    Eu, de cara, não leria a obra, porque não é meu gênero favorito. Porém, é ruim quando pegamos um livro para ler e nos decepcionamos tanto.
    Apesar do livro ser ruim, adorei a sua resenha.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de Abril

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oieeeeee!!!

      Obrigada pela visita e comentário! \õ/ Fico muito feliz quando leio comentários.....
      Então Esc@ndalo não foi nada do que pensei e não sei se foi só a mim, mas o livro me desagradou por completo, no entanto, espero que outras pessoas que o leram tenham gostado... Praticamente me forcei terminar esta leitura, mas em momento algum consegui me envolver com o livro e sua história...

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  2. Uma palavra a dizer sobre sua opinião: UI! (um pouco mais aqui: coitada da escritora rs)

    Mas mesmo assim gostei da resenha :)
    Realmente, esse livro não parece ser lá grande coisa. Acho que nem eu conseguiria ler inteiro, a começar pela falta de privacidade que os pais dão a menina, a idiotice dela, a falta de bom senso e... e... poderia passar um dia listando.

    "mas Amelia passa mal na fuga e aí vem a parte em que tudo fica muito, muito, muito ruim e depois tudo se resolve e o casal é feliz para sempre." > Ela por acaso fica grávida, o pai perdoa o cara e eles vão viver felizes? Por favor por favor não me diga que a autora sucumbiu a esse esteriótipo ridículo!
    (eu nunca, jamais lerei esse livro... mas pode soltar esse spoilerzinho? pleease? :3)

    Espero que leituras melhores cheguem até você _lll_

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ingrid!
      Realmente sofri lendo esse livro, mas insisti até o fim para ver onde ia dar. Não pretendo lê-lo novamente, mas acerca de sua pergunta, não a autora felizmente não fez Amelia engravidar, mas sim, acontece um perdão e o casal continua junto, então não fugiu ao clichê.
      Contudo acho que teria sido bem mais original se a autora tivesse feito Anthony ficar com raiva de Amelia, porque convenhamos foi ela e a família dela que tornou a vida dele um inferno. Qualquer pessoa em sã consciência não esqueceria isso, por mais amor que tivesse envolvido... seres humanos são rancorosos e muito raramente perdoam de verdade.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  3. Oi ta bom? Q pena que vc n gostou.. Ainda n li mas nem nem interessei tanto...
    Forever a Bookaholic

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camylla,
      Eu não gostei, mas pode ser que alguém goste ou tenha gostado, a resenha é minha opinião e, como toda opinião, é particular, então não pretendo, com minha resenha, fazer com que outras pessoas não leiam o livro, mas alertar sobre o que se trata, para que tenham os pés no chão antes de principiar a leitura. Nada melhor do que já ler sabendo mais ou menos o que esperar...

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  4. Xiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
    Farpas afiadas, hein, Mila? Só pode ser muito ruim para você ter falado assim dele. Tô fora.
    Aliás, que capa feia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkk
      Xiiiiiii Ju, você não sabe como sofri para ler esse livro, pensei em abandoná-lo diversas vezes. Não indico pra ninguém... quem quiser ler vai ser por sua conta de risco.
      Sobre a capa, também achei feia, mas o principal: nada a ver com o livro.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir

Muito obrigada pelo Comentário!!!!