Resenha: “O Teste - Livro 1” de Joelle Charbonneau

Saudações Leitores!
Ok, sou fã de distopias e esta me pegou de jeito O Teste* é uma distopia incrivelmente viciante, vou apontar alguns detalhes na resenha e espero que gostem, claro, se tiverem a oportunidade de ler este livro não a deixem passar, enfim, nem preciso dizer o quanto estou ansiosa pela continuação. PRE-CI-SO-!

O Teste, Joelle Charbonneau, São Paulo: Única Editora, 2014, 320 pág.
Traduzido por Santiago Nazarian

The Testing (2013) no Brasil O Teste, trata-se de uma trilogia escrita por Joelle Charbonneau. O Teste entrou para a lista de best-sellers dos Estados Unidos e os direitos dos livros foram adquiridos para o cinema pela Paramount. Os próximos livros são: Independent Study (já publicado nos EUA) e Graduation Day (lançamento previsto no EUA em 17 de junho 2014). A trilogia também tem um volume 0.5: The Testing Guide (seria legal se a editora traduzisse para os brasileiros).
Essa é uma trilogia distópica narrada em primeira pessoa por Malencia Vale (ou Cia) de 16 anos que vive na Colônia Cinco Lagos. É dia de formatura e tudo o que Cia deseja é ser a escolhida para fazer O Teste, que se trata de um programa elaborado pela Comunidade das Nações Unificadas cujo objetivo é selecionar os melhores e mais inteligentes recém-formados para irem para a Universidade e se tornarem lideres além de ajudar inteiramente na reconstrução do mundo pós-guerra. Detalhe: cada Colônia pode ter um ou mais selecionados para O Teste, bem como nenhum – a Colônia Cinco Lagos há muito tempo não tinha nenhum selecionado para O Teste.
Por sorte, ou infelicidade, Cia e outros alunos de sua Colônia são selecionados para fazer o Teste. Quando o pai de Cia vê que a filha foi escolhida ele se enche de alegria, mas infelizmente – por já ter participado do Teste – ele desconfia que não seja algo simples e que suas memórias foram apagadas, mas que seu subconsciente não lhe deixa esquecer vários horrores que possivelmente viveu no Teste, por isso tantos sonhos horríveis sempre lhe acompanham.
Cia vai para o Teste em Tosu City (o centro de todas as colônias – Capital das Comunidades das Nações Unificadas) de sobreaviso e muito preocupada com a revelação de seu pai, desconfia que O Teste não seja apenas uma prova difícil, mas algo que teste sua resistência. Cia conta para um de seus companheiros da Colônia Cinco Lagos: Tomas e os dois acabam numa parceria e em um clima romântico, entretanto, quando seus limites são testados será que dá para confiar nas pessoas, mesmo que as conheça desde o berço? Na minha concepção, não sei se gostei de Tomas, achei ele tão frágil e tão sem noção, como se ele fosse um pobre coitado e a Cia tivesse que defendê-lo e cuidar dele o tempo todo. Faltou muita atitude e força para o Tomas. Não curti o envolvimento deles e também não consegui confiar nesse rapaz. #ProntoFalei
Essa é mais uma distopia que se tornou viciante para mim, não conseguia largar o livro e quando o largava ficava as voltas com a história na minha cabeça [nem preciso dizer que estou ansiosa pela continuação, não é?], como ainda não li a trilogia Divergente não posso comparar com ela, mas como já li a trilogia Jogos Vorazes só tenho a dizer que embora haja algumas mudanças, sobre tudo nos objetivos de testar a resistência dos alunos selecionados, há muita similaridade entre elas, uma delas é colocar várias pessoas num campo grande e fechado em que tudo é permitido para a sua sobrevivência.
O Teste é um livro cheio de tensão e terror, porque nos faz questionar se a nossa sociedade não caminha para uma situação tão fria e calculista como a que encontramos nestas páginas. Simplesmente acho que quem é fã de distopia e amou Jogos Vorazes tem 100% de chances de amar esse livro, entretanto, alerto que as semelhanças são bem grandes e isso também pode frustrar o leitor. Confesso que só não dei cinco estrelas porque não achei a história tão inédita, mas que, sem dúvida, foi inspirada em JV e como muitos dizem em Divergente.
Portanto, se você gosta de distopias ou se está numa vibe para lê-las é praticamente impossível soltar O Teste antes de virar a última página: narrativa cativante, personagens misteriosos e muita ação e mistérios para serem resolvidos. Um pequeno detalhe que não posso deixar de comentar antes de finalizar esta resenha é o trabalho gráfico da Única Editora, este livro ficou belíssimo e, na minha concepção, a capa ficou bem melhor do que original.

Camila Márcia
 


* Este livro é cortesia da Editora Única

24 comentários:

  1. Aaah, eu estou mega curiosa para ler esse livro!
    Adoro distopias. Jogos Vorazes e Divergentes estão no meu coração <3
    Então pelas suas indicações eu não só vou gostar, mas ele tambem vai conseguir um espacinho por la =)

    Beeijos, Dreeh.
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Dreeh,
      Eu amei O Teste, só sosseguei quando terminei de ler, sou muito fã de distopia. Estou ansiosa pela continuação e pretendo comprar e ler a trilogia Divergente em breve,
      Confesso que só não dei 5 estrelas para O Teste porque não achei tão original assim e eu esperava que, no mínimo, tivessem inovado no protagonista que em vez de mulher poderia ser um homem para variar alguém com características boas e ao mesmo tempo vilãs, seria bem interessante, sabe? Além do mais essa onda do fazer o par romântico em que a mulher é mais determinada e forte que o homem é louvável por sermos mais valorizadas, mas já virou moda...
      Tirando essas coisas que não posso negar e dizer que a escritora poderia ter inovado pelo menos aí, ou mesmo numa narrativa em terceira pessoa ao invés de primeira eu amei amei ameiiiiiiiii esse livro e não sei se aguento esperar ou tento comprar o e-book em inglês para conferir logo...

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  2. Depois que li Jogos Vorazes, tudo que leio sobre outros livros do estilo me parece repetitivo. Isso me desanima a ler, confesso, pois acho que o universo que a autora de JV criou é tão redondo e faz tanto sentido que eu acho difícil alguém se igualar ou superar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carol,
      Como eu disse na resenha esse livro é bem parecido com as distopias existentes: JV e alguns dizem que com Divergente também [mas como não li fico calada] e a própria escritora de O Teste se inspirou nessas trilogias distópicas de sucesso... enfim, quem gostou de JV pode ser que ame essa trilogia ou não por já achar bem clichê. Eu, como não me importo com clichês e semelhanças e estou nessa vibe de distopias [ainda] amei e pretendo continuar acompanhando essa trilogia, além de me aventurar por Divergente tb....
      Meu conselho é que quem já leu outras distopias não entre em nenhuma outra com muita sede, porque elas são bem parecidas e possivelmente altas expectativas podem geral altas decepções, então é melhor ir com cautela.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  3. Oi Mila,

    Eu gosto de distopias, mas também acho que já estão ficando muito clichês, sei lá, é quase um a cópia da outra. Mas não nego que quando leio uma resenha de distopia fico interessada em conhecer a obra.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ju, olá!
      Não vou discordar de você, JV e O teste são muito semelhantes, mas tem suas peculiaridades que tornam as leituras diferentes, entretanto é impossível não comparar as trilogias... Eu espero que a continuação seja mais autêntica, mas achei que para um primeiro volume da trilogia O Teste se saiu muiiiiiiito bem e cumpriu com o que começou... tipo não tem fios soltos e o final do livro é fantástico para uma continuação completamente inédita, vamos ver como a autora vai se sair no próximo livro - eu estou ansiosíssima, virei fã - por outro lado, tenho que defender a parte em que você diz clichê: as distopias estão se tornando muito a mesma coisa, mas é claro que gostamos de clichês porque se não fosse assim não leríamos romances românticos e nada disso... O clichê faz parte e independente de que seja clichê ou não isso não impede de ser um bom livro. Bem, penso assim...

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  4. Oi,Mila!
    Eu até gosto de distopia, mas confesso que ando cansada do gênero. Tenho visto muita coisa parecida, tipo "mais do mesmo" sabe e O Teste me passou essa impressão. Posso estar extremamente equivocada, mas não consigo me simpatizar com a narrativa. Espero que eu possa tirar essa má impressão.

    Bjs!
    Zilda Peixoto
    http://www.cacholaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Zilda

      Eu entendo completamente, mas é tudo uma fase, sabe? Por exemplo a fase de livros de vampiros, eróticos e distópicos... isso as vezes faz com que os escritores bebam do mesmo pote e acabem se inspirando demais uns nos outros e se contaminando com as histórias dos outros (isso também acontece com os leitores) e isso pode tornar o livro bom ou ruim. O Teste apesar de ser muito parecido com as distopias que já li, tem seu diferencial e é muito viciante, me atrevo a dizer que ele agrada a um amplo público, chego até a achar ele mais violento e cruel do que JV, porque em JV os participantes da Colheita já sabiam o que esperar e já em O Teste todos vão praticamente 'no escuro' pensando que irão fazer uma coisa e são jogados para outra muito mais terrível... eu achei brilhante!

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  5. Quero muito ler esse livro, já que me tornei um grande fã de distopias, e provavelmente será a minha próxima leitura da Única. O interessante, pelo menos no meu caso, é que não conheço as duas séries citadas por você, então não apenas vou aproveitar mais do que quem já conhece, como também vou ter a oportunidade de me surpreender ainda mais com, vamos dizer assim, a "história original". Outra coisa interessante citada por você foi em relação a nossa sociedade se caminhar para algo semelhante ao encontrados nas distopias. Não digo em relação ao mundo de “O Teste”, mas temo que esse seja o nosso futuro...

    Beijos, Mila.
    Ricardo - www.overshockblog.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rick!

      Já que você não conhece as distopias que inspiraram O Teste então ele vai te surpreender bastante, será uma leitura tãoooo boa porque você não terá com que compará-lo.
      Gosto das ideias de O teste e JV - tem muito de JV em O Teste... Divergente é outra trilogia que me agrada e tenho muita vontade de ler... até o final do ano compro e leio, hihihi.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  6. Parece ser uma distopia muito interessante e diferente.
    Um dos gêneros que mais gosto é distopia então acho que gostarei muito desse livro.
    Mostra ser uma mistura de aventura com mistério, e é u livro que está fazendo bastante sucesso.
    Quero muito esse livro... e a continuação já saindo é ainda melhor.
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Joseph,
      Realmente distopias são bem envolventes, e O teste é uma maravilha, vale a pena ler e não deixe a oportunidade passar, caso ela apareça.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  7. Oi Ca, tudo bem?
    Primeiramente gostaria de parabenizar o blog, que está maravilhoso e pelo incentivo a leitura, isso é demais! :)

    Depois de ver algumas resenhas, inclusive a sua, fiquei muito curiosa para ler O Teste, espero ser a ganhadora e poder saciar essa sede literária.


    beijos :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fernanda,
      Muito obrigada pela gentileza nas palavras. Que fofa!
      O Teste é um livro incrível, vale a pena ler. Confira a leitura e boa sorte na promoção!

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  8. nossa... confesso que nao tinha muita vontade de ler o teste. mas agora, lendo sua resenha fiquei morrendo de curiosidade de le-lo. amo jogos vorazes. e mesmo o livro "o teste" ser uma "copia" do mesmo, quero le-lo mesmo assim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Rayane,
      Não é que seja uma 'copia' total, mas é quase isso mesmo, rsrsrsrs... Acho que distopias são bem assim mesmo... críticas, aventuras, um governo autoritário... Bem bacana estes livros.
      O Teste é perfeito, eu amei e já estou devorando Estudo Independente... e gostando muito.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  9. Oi Mila, também sou fã de distopias, e estou louca pra ler esta, que só leio resenhas positivas sobre, então com certeza, é mais uma distopia que, creio eu, vou amar, espero que esteja certo quanto a isso, rs
    Que bom que você gostou do livro e não conseguia largá-lo, é bom quando um livro faz isso com a gente ;)
    Enfim, adorei a resenha!
    P.S: Sou fascinada na capa!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Andreana!
      Realmente não conseguia soltar O Teste, super indico esta leitura, vale muito a pena... mas também não vá com muita sede ao pote, esta é mais uma distopia que se assemelha a outras... você lendo uma já tem uma base do que esperar na próxima...

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  10. Mila!
    Livros de distopia são sempre carregados de aventuras, mistérios e uma sociedade diferenciada e futurista.
    Distopias como O Teste são sempre interessante e mesmo com as semelhanças com Jogos Vorazes certeza que tem algo há mais. Algumas resenhas que li não gostaram justamente por isso, mas para mim não importa. Quando um livro é bem escrito e traz prazer, é o que vale.
    Muito boa sua resenha.
    cheirinhos
    Rudy
    Blog Alegria de Viver e Amar o que é Bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hello Rudy!
      Eu também acho que independente das semelhanças, o que conta - e muito - é o sentimento do leitor, se gostou da leitura e ficou ansiando por não soltar o livro, para quê melhor? Penso assim...

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  11. Não sou muito fã de distopias, mas fiquei interessada
    no livro após ler a resenha. Vou tentar ler para ver se gosto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sueli,
      Espero que quando o ler goste, realmente sou fã de distopias então sou suspeita para falar...

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  12. Gosto muito de Distopia e esse livro parece ser ótimo, estou bastante interessada em ler!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gosta de distopias Milena...
      Esta uma verdadeira febre, mas acho bem bacanas, sou fã também e essa trilogia tem me chamado muita atenção... já li o segundo livro e gostei bastante...

      xoxo
      Mila F.

      Excluir

Muito obrigada pelo Comentário!!!!