Resenha: "Fantastic Beasts and Where to Find Them - The Original Screenplay" de J.K. Rowling

Fantastic Beasts and Where to Find Them - The Original Screenplay, J.K. Rowling, Nova York: Scholastic, 2016, 304 pág.
Comprar: Amazon, Saraiva

Fantastic Beasts and Where to Find Them - The Original Screenplay se trata do roteiro original do filme Animais Fantástico e Onde Habitam cuja estreia foi em 17 de novembro de 2017. O roteiro foi escrito pela própria J.K. Rowling, acredito que, para quem é fã do mundo mágico se torna mais um livro indispensável em sua estante.

Como sempre, não tive paciência de esperar sair a tradução brasileira do livro e já adquiri e li o exemplar em inglês mesmo. Quando se trata do Universo Mágico e Harry Potter eu não tenho paciência de esperar tradução. Sou dessas. 

Quem já assistiu o filme sabe o que esperar no roteiro, porque é exatamente a mesma coisa, só que temos apenas as falas dos personagens e descrições de ambiente e detalhes sobre as cenas, para quem é fã e gosta de livro pode até se sentir meio frustrado com o fato do livro ser apenas um roteiro, porque EU senti isso, queria um romance, sabe? Teria sido tão mais legal, mas J.K. Rowling já disse que não vai haver, então o jeito é se conformar.
Ao contrário de Harry Potter and the Cursed Child (Harry Potter e a Criança Amaldiçoada), que também saiu em forma de roteiro (só que para o teatro) e não foi escrito por J.K. Rowling, Fantastic Beasts and Where to Find Them vemos uma maior coerência com fatos e cronologia dos fatos mágicos do universo mágico, até porque J.K. sabe o que está escrevendo, então é bastante coerente. 
Iludi-se quem pensa que o Filme e o Roteiro de Fantastic Beasts and Where to Find Them tem alguma coisa a ver com o livro escrito por J.K. Rowling "Animais Fantásticos e Onde Habitam", pois não tem nada a ver. A história que entramos no filme e, consequentemente, no roteiro não existe em nenhum livro do universo de Harry Potter e o livro "Animais Fantásticos e Onde Habitam" é como se fosse uma enciclopédia, um livro de estudos para os alunos de Hogwarts. A estória que encontramos no Filme e no Roteiro é a de Newt Scamander, o "autor" do livro/enciclopédia "Animais Fantásticos e Onde Habitam".
Aqui iremos acompanhar Newt chegando a Nova York num período bastante sombrio de 1926, o mais interessante é que ele traz uma maleta cheia de criaturas (animais) fantásticos que vai parar nas mãos de Jacob Kowalski um No-Maj, que seria o mesmo que um não mágico ou trouxa que acaba abrindo a maleta e liberando as criaturas por Nova York, então Newt acaba se envolvendo numa confusão enorme com o Congresso Mágico dos Estados Unidos da América, conhecido como MACUSA e Porpentina Goldstein, uma ex-auror, acaba mantendo-o sob sua custódia a fim de fazê-lo evitar cometer problemas, nisso confusões são armadas e um perigo muito maior está a espreita.
Nesse ínterim Newt, Porpentina, Queenie (irmã de Porpentina) e Jacob acabam tendo que fugir da MACUSA e tentam salvar o mundo mágico de ser descoberto pelos No-Maj (trouxas) e enfrentam um perigo que nem mesmo sabiam que estavam enfrentando: o mago Gellert Grindelwald. 
Como fã eu amei mais este presente de J.K. Rowling sobre o universo mágico, gostei da história e dá para entender bem direitinho o roteiro, mas mesmo tendo gostado achei que faltou um pouco mais de motivação para Newt estar em Nova York e seu interesse de salvar a cidade de Grindelwald não pareceu heroico, ele simplesmente estava no meio da confusão toda e foi lá e ajudou a resolver, mas não houve um "destino" um sentido, sabe? Não sei bem como as coisas irão se desenvolver (J.K. Rowling prometeu cinco filmes), mas espero que melhore esses "ganchos" e que haja algumas explicações, embora eu esteja com um pé atrás.

Também gostei bastante do filme, mas vou falar sobre minhas impressões em uma outra postagem para não misturarmos as coisas, ok?

0 comentários:

Deixe seu comentário

Muito obrigada pelo Comentário!!!!