Resenha: "Correndo para Você" de Rachel Gibson

Correndo para Você, Rachel Gibson, São Paulo: Jardim dos Livros, 2017, 248 pág.
Tradução: Carolina Caires Coelho
COMPRAR: Amazon, Saraiva

Saudações Leitores!
Run to You é o mais recente lançamento de Rachel Gibson no Brasil e, por aqui, recebeu o título de Correndo para Você. Rachel Gibson é uma escritora best-seller de romances eróticos, mas sem aquela apelação toda de Cinquenta Tons, se vocês me entendem... Aqui no blog tem resenha de outros dois livros escritos pela autora: Sem Clima para o Amor, e Dayse está na Cidade.

Volto a frisar que não sou fã de romances eróticos e não cai de amores naquela modinha de livros eróticos que explodiu em 2011 e teve pico alto com o lançamento de 50 Tons de Cinza em 2015, portanto, minhas opiniões sobre livros com essa pegada mais erótica são particulares e respeito quem tem uma opinião diferente. Contudo, de antemão, afirmo que Rachel consegue me ganhar a cada livro que leio dela.

Enfim, mesmo sem gostar de livros eróticos consigo gostar de Rachel Gibson porque é o estilo de escrita dela que cativa e mesmo tendo quase uma aula prática nas suas cenas de sexo, o que de fato acontece é o resultado de toda uma história envolvida: um trabalho entre o enredo e o psicológico de cada um dos personagens. Além disso, a própria forma de narrar da Rachel Gibson é tão despretensiosa que dá gosto de ler, sabe?
"Ela vinha cuidando de si mesma havia dez anos. Durante a maior parte de sua vida, na verdade. Ela pensaria em alguma coisa. Não precisava de ajuda. De ninguém. Muito menos de um homem tão frio que provavelmente cagava cubos de gelo." (p.64)
Aqui em Correndo para Você, deparei-me novamente com essa mágica de Gibson: transformar uma simples história e personagens em algo profundo e bem trabalhado e para isso ela não precisa ficar enchendo páginas e mais páginas para dar volume (sem conteúdo) a seus livros.
Vamos acompanhar o casal Stella e Beau, que se reúnem por conta da meio-irmã de Stella que está procurando por ela, é exatamente Beau que encontra Stella e tem de levá-la para o Texas para que encontre sua meio-irmã. É claro que durante a viagem - que é uma verdadeira aventura - os dois vão acabar se conhecendo melhor e um sentimento mais forte do que qualquer um dos dois poderia imaginar acaba surgindo.

O que mais me envolveu nesse romance foi as características fortes de Stella, que sempre se virou bem na vida e a personalidade marcante de Beau que luta para ser diferente do pai. Sim, há todo um trabalho entre as histórias dos personagens com a de seus familiares, é tudo bem trabalhadinho e encadeado, garanto que no final não há nenhuma ponta solta. Além disso, tem "cenas" muito engraçadas que é impossível segurar o riso. 
Realmente gostei bastante de Correndo para Você, e até deixo a dica para quem ainda não leu NADA de Rachel Gibson, começar por esse exemplar, porque é divertidíssimo. Como leio pouco esse tipo de livro sempre me empolgo bastante quando consigo começar e terminar um que é realmente bom... Correndo para Você é muito bom. É uma história tranquila, digna de entretenimento, mesmo, aliás, consigo imaginar essa história se transformando num filme de comédia romântica maravilhoso para assistir numa sexta-feira a noite, sabe?
"O amor acontece com um sorriso de cada vez. Um belo e tortuoso sorriso por vez. A cada vislumbre dos seus olhos. A cada toque de sua mão. A cada som da sua risada. Eu sou um fuzileiro, e esperava que o amor fosse algo arrebatador e que me deixaria de quatro. Mas começou pequeno e suave. Doce. Como você."(p.245)

0 comentários:

Deixe seu comentário

Muito obrigada pelo Comentário!!!!