Resenha: “Zac & Mia” de A.J. Betts

Saudações Leitores!
Eu realmente fiquei ansiosa para ler Zac & Mia*, mas eu não esperava grande coisa, no entanto, me surpreendi e gostei bastante estou ansiosa para contar minhas considerações de leitura para vocês.

Zac & Mia, A.J. Betts, Ribeirão Preto, SP: Novo Conceito, 2015, 288 pág.
Traduzido por Sylvio Monteiro Deutsch

Zac and Mia (2013) é o terceiro romance para jovens adultos escrito pela australiana A.J. Betts, que tem outros dois livros ainda não publicados no Brasil: Wavelength e Shutterspeed. Zac & Mia já ganhou alguns prêmios literários.
Esse livro se encaixa perfeitamente naqueles denominados sick-lit, pois vem tratando de dois jovens Zac e Mia que tem câncer [isso não é spoiler], a narrativa é em primeira pessoa, hora é Zac quem ‘fala’ e hora é ‘Mia’.
"De todos, eu sou o menos corajoso. Nunca me alistei para essa guerra. A leucemia me convocou, essa filha da puta." (p.51)
Ambos se conheceram no hospital em que estavam internados para o tratamento de câncer. Mia é pessimista, temperamental, rebelde e inconformada com a doença além de ter uma péssima relação com a mãe. Zac tem o apoio da família, é cheio de esperança e com vontade de lutar pela vida, porque viver vale a pena.
Enquanto todos sabem da situação e da doença de Zac, Mia esconde de todos os amigos sobre o câncer, ela quer ter a vida normal de volta e por isso ela se rebela contra tudo e todos, sobretudo, após as consequências do câncer em sua vida.
"Eles dizem que o câncer deixa você mais forte. Não deixa. Bagunça sua cabeça. Cria uma coceira que você não pode coçar e um coração que não para de doer." (p.169)
Zac tenta fazer com que Mia tenha esperança e acredite que ela continua a mesma pessoa, que ela não mudou por causa da doença, é claro que dessa relação de amizade surge um sentimento lindo entre os dois e cada um vai tirar um ensinamento para sua vida.
Detalhe: não consegui gostar de Mia, ela é muito egoísta e acha que o mundo tem que girar em torno dela sempre. Isso me incomodou tanto. Por acaso uma pessoa doente não fica com o coração mais amolecido? Com Mia aconteceu o oposto. Era Zac quem tinha todo o direito de ser pessimista, afinal de conta ele estava passando pelo câncer pela segunda vez e sua porcentagem de cura era mínima, mas ele continua esperançoso.
Zac & Mia segue a linha de A Culpa é das Estrelas e por mais estranho e doloroso que sejam esses livros, eles me cativam (se bem que não gostei tanto de ACEDE) por sua delicadeza, mas também trazem uma versão tão romanceada da realidade, sei que embora mostre a dor dos personagens, elas não parecem reais, são bonitas e fofas, quando na realidade é um pesadelo (quem conheceu ou conhece alguém com essa doença horrível sabe como é, de fato).
"Talvez coragem seja apenas isso: atos impulsivos em um momento em que sua cabeça grita não, mas seu corpo vai em frente assim mesmo." (p.221)
Em uma palavra esse livro é muito delicado e eu amei a leitura, além do mais é uma forma de sensibilizar as pessoas diante dessa doença, dá para perceber que além da doença há todo um psicológico e alto estima a serem trabalhados e que assim como os personagens desse livro tinham postura e ações diferentes ao encarar o câncer isso acontece na vida real.
A vida não dá garantas, mas o amor prova que sempre vale a pena viver. É essa a linda mensagem que fica. Se vocês gostam de sick-lit vão em frente com a leitura, essa é uma excelente opção e, com certeza, você irão gostar. Eu gostei muito.


*Esse livro foi cortesia da Novo Conceito, para saber mais, clique AQUI.

4 comentários:

  1. o que eu gostei na história é que mesmo se tratando de doença não ficou um clima pesado, ao contrário, a amizade de Zac e Mia conseguiu superar esta questão
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente Thaila,

      achei que apesar do tema forte, a história trouxe algo bonito e se tornou leve por conta da amizade dos dois, prova de que amigos e família são essenciais nos bons e nos maus momentos... Achei muito bom o livro. De verdade.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir
  2. Recebi esse livro na época de lançamento de parceria com a NC. Amei a leitura e recomendei para muitos amigos.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Letícia,

      realmente o livro é muito bom. Tema forte.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir

Muito obrigada pelo Comentário!!!!