Lançamento: Insana: meu mês de loucura

Saudações Leitores!
Venham comigo conhecer um dos lançamentos da Editora Belas-Letras, segue abaixo a sinopse e alguns dados do livro, espero que gostem! Detalhe: para quem gosta de filmes baseados em livros, Insana, vai ter adaptação cinematográfica e está prevista para 2016... Que tal ler antes do filme?

Insana: meu mês de loucura
Susannah Cahalan
ISBN 9788581741550
Formato: 15,5x22,5cm
300 páginas
Tradução: Bruno Mattos
Preço: R$ 39,90

Novo lançamento da Belas-Letras conta a história da jovem e promissora jornalista que é surpreendida por uma doença desconhecida 



Em Insana: meu mês de loucura, você vai conhecer a história de Susannah Cahalan, uma jovem repórter do jornal americano The New York Post que levava uma vida saudável e alegre, e que em pouco tempo, foi sucumbida por uma doença silenciosa que intrigou inúmeros médicos.
“Tudo começou quando eu pensei que tinha sido picada por percevejos, aí chamei um dedetizador e ele disse que não havia nada em meu apartamento”, relata a jornalista, em um vídeo de divulgação do livro que será lançado neste mês pela Belas-Letras. 
Susannah tinha estranhas alucinações, surtos psicóticos e convulsões. Seus amigos e familiares acreditavam que era stress. Alguns médicos diagnosticavam o alcoolismo como causa – mesmo que ela insistisse que bebia no máximo duas taças de vinho por noite. Percebendo que não era mais a mesma, ela se mudou do seu apartamento numa região conceituada de Manhattan para a casa dos pais no subúrbio, e tirou licença médica do trabalho. 
A gota d’água veio quando ela tentou pular de um carro em movimento (imaginando que o pai e a madrasta tentavam sequestrá-la); sua família então decidiu que ela realmente precisava de ajuda e ela foi internada imediatamente na ala epiléptica do hospital da New York University.
“Literalmente, não lembro de boa parte do mês em que estive no hospital. Então, tive que acreditar em registros médicos, entrevistas com médicos, com minha família, com meu namorado. Tive que recriar aquele tempo usando minhas habilidades de jornalista”, afirma ela. 
Seus sintomas não coincidiam com o de nenhuma outra doença conhecida. Até que um médico entra no caso, Souhel Najjar, e com um teste bastante simples, descobriu que o lado direito do seu cérebro estava inflamado. 
A história de Susannah será contada nas telas dos cinemas. O filme será produzido pela produtora de Charlize Theron e estrelado por Dakota Fanning e ainda não tem previsão de lançamento. 

Susannah Cahalan começou a carreira de repórter no New York Post por meio de um estágio em seu último ano do Ensino Médio. Ela trabalha no jornal desde 2002 e já teve trabalhos publicados no New York Times e no Czech Business Weekly, onde trabalhou quando estudou no exterior durante a faculdade. Recebeu o prêmio Sillurian de Excelência em Jornalismo na categoria grande reportagem pelo trabalho Meu Misterioso Mês Perdido de Loucura, no qual este livro é baseado. Ela mora na cidade de Jersey, em New Jersey.

2 comentários:

  1. Oi, Mila! Tudo bem?
    Uau, o título já chama bastante atenção né? Adoro esses livros autobiográficos e tudo mais, fiquei curiosa com ele. Vou marcar no skoob pra não me perder :P

    bjos,
    Bianca

    www.blogsomaisum.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Bianca,

      também faço isso quando o livro me chama atenção: marco logo no skoob. Também fiquei interessada no livro.

      xoxo
      Mila F.

      Excluir

Muito obrigada pelo Comentário!!!!