Lançamento: Tempestade de Guerra... e outros

Saudações Leitores!
Hoje trago para vocês lançamentos de continuações incríveis e muito esperadas da Editora Seguinte: Quem acompanha estas séries? ☝


Tempestade de guerra (A Rainha Vermelha, livro 4)
Victoria Aveyard
ISBN: 9788555340550
Selo: Seguinte
Páginas: 632
Formato: 16.00 X 23.00 cm
Acabamento: Brochura
Lançamento: 18/05/2018

COMPRAR: Amazon
No aguardado desfecho da série A Rainha Vermelha, descubra qual poder sairá vencedor depois que a tempestade de guerra passar. A autora do livro, Victoria Aveyard, virá ao Brasil para a Bienal Internacional do Livro de São Paulo de 2018.Mare Barrow aprendeu rápido que, para vencer, é preciso pagar um preço muito alto. Depois da traição de Cal, ela se esforça para proteger seu coração e continuar a lutar junto aos rebeldes pela liberdade de todos os vermelhos e sanguenovos de Norta. A jovem fará de tudo para derrubar o governo de uma vez por todas — começando pela coroa de Maven.Mas nenhuma guerra pode ser vencida sem ajuda, e logo Mare se vê obrigada a se unir ao garoto que partiu seu coração para derrotar aquele que quase a destruiu. Cal tem aliados prateados poderosos que, somados à Guarda Escarlate, se tornam uma força imbatível. Por outro lado, Maven é guiado por uma obsessão profunda e fará qualquer coisa para ter Mare de volta, nem que tenha que passar por cima de tudo — e todos — no caminho.
A rainha vermelha (A Rainha Vermelha, livro 1) resenha no blog
Coroa cruel
 (A Rainha Vermelha, livro de contos) 
resenha no blog
Espada de vidro (A Rainha Vermelha, livro 2) resenha no blog
A prisão do rei (A Rainha Vermelha, livro 3)



Reinado imortal (A Queda dos Reinos, vol. 6)
Morgan Rhodes
ISBN: 9788555340536
Selo: Seguinte
Páginas: 424
Formato: 16.00 X 23.00 cm
Acabamento: Brochura
Lançamento: 03/05/2018
COMPRAR: Amazon
No último volume da série épica A Queda dos Reinos, grandes inimigos precisam se tornar aliados para salvar Mítica da ira dos deuses elementares.Os cristais da Tétrade foram reunidos e os deuses elementares que estavam aprisionados neles foram libertados, mas seu poder e magia não podem ser contidos por ninguém. Saindo do controle de humanos e imortais, os deuses se uniram e planejam destruir todos os reinos, começando por Mítica.Enquanto Jonas continua ignorando o destino que o liga a Lucia, a feiticeira está preocupada em encontrar maneiras de proteger sua filha — mesmo que isso signifique enfrentar sozinha Kyan, o deus do fogo. Amara também está disposta a encarar os deuses elementares. Apesar de ter voltado para o Império Kraeshiano, não desistiu de se tornar a mais poderosa dos reinos. Ao lado da avó, pretende conquistar Mítica só para si.Magnus e Cleo terão seus sentimentos testados mais uma vez. Com os inimigos se aproximando e uma magia maligna tomando conta dos territórios de Mítica, eles precisam descobrir se o amor que sentem é o suficiente para vencer as forças que querem destruí-los — e a toda a nação.
A queda dos reinos  (A Queda dos Reinos, vol.1) resenha no blog
A primavera rebelde  (A Queda dos Reinos, vol.2)
A ascensão das trevas (A Queda dos Reinos, vol.3)
Maré congelada (A Queda dos Reinos, vol. 4)
Tempestade de cristal (A Queda dos Reinos, vol. 5)

A nuvem (Scythe, livro 2)
Neal Shusterman
ISBN: 9788555340543
Selo: Seguinte
Páginas: 464
Formato: 16.00 X 23.00 cm
Acabamento: Brochura
Lançamento: 25/05/2018
COMPRAR: Amazon
No segundo volume da série Scythe, a Ceifa está mais corrompida do que nunca, e cabe a Citra e Rowan descobrir como impedir que os ceifadores que não seguem os mandamentos da instituição acabem com o futuro da humanidade.Em um mundo perfeito em que a humanidade venceu a morte, tudo é regulado pela incorruptível Nimbo-Cúmulo, uma evolução da nuvem de dados. Mas a perfeição não se aplica aos ceifadores, os humanos responsáveis por controlar o crescimento populacional. Quem é morto por eles não pode ser revivido, e seus critérios para matar parecem cada vez mais imorais. Até a chegada do ceifador Lúcifer, que promete eliminar todos os que não seguem os mandamentos da Ceifa. E como a Nimbo-Cúmulo não pode interferir nas questões dos ceifadores, resta a ela observar.Enquanto isso, Citra e Rowan também estão preocupados com o destino da Ceifa. Um ano depois de terem sido escolhidos como aprendizes, os dois acreditam que podem melhorar a instituição de maneiras diferentes. Citra pretende inspirar jovens ceifadores ao matar com compaixão e piedade, enquanto Rowan assume uma nova identidade e passa a investigar ceifadores corruptos. Mas talvez as mudanças da Ceifa dependam mais da Nimbo-Cúmulo do que deles. Será que a nuvem irá quebrar suas regras e intervir, ou apenas verá seu mundo perfeito desmoronar?
O ceifador (Scythe, livro 1)

0 comentários:

Deixe seu comentário

Muito obrigada pelo Comentário!!!!